A 42 Lisboa foi oficializada no dia 27 de julho e deste então já captou mais de duas mil inscrições. 30% dos candidatos são mulheres.

Anunciada há cerca de duas semanas, a nova escola de programação já registou mais de 2.300 candidaturas, 30% das quais de mulheres. O processo de seleção dos 150 primeiros alunos, decorre entre outubro e janeiro, estando o início do programa está agendado para fevereiro.

As inscrições na 42 Lisboa www.42lisboa.com estão abertas a todos, independentemente do seu passado académico, de qualquer experiência com programação, ou da sua capacidade económica. O programa é 100% gratuito e o único requisito dos candidatos é terem pelo menos 17 anos.  Do total de inscritos, 400 já completaram com sucesso os testes online.

Refira-se que o processo de seleção é rigoroso e avalia parâmetros como o raciocínio lógico, a determinação, a capacidade de resolver problemas sob pressão e de trabalhar em equipa. O processo desenrola-se em 4 etapas.

A escola de programação liderada por Pedro Santa Clara é totalmente financiada por mecenas. A Ms. Ming C. Hsu, o Banco Santander e a Vanguard Properties são os parceiros fundadores do projeto, a que juntam também a bi4all, Amaral y Hijas e a Família Alves Ribeiro. A 42 Lisboa conta ainda com a Fundação José Neves como Education Partner.

Comentários