Depois de ter sido recentemente conhecida a sua participação na ronda de financiamento da Fyde, a Portugal divulgou agora o balanço dos investimentos do primeiro semestre deste ano: 14 start-ups no total.

A Portugal Ventures divulgou hoje o balanço do primeiro semestre do ano e revelou ter acrescentado oito start-ups do seu portefólio: Azitek, Beamian, CellmAbs, Chemitek, Fyde, Lovys, Noocity e TargTex são as novas aquisições. Como refere a PV representam mais de 5 milhões de euros de investimento realizado em parceria com a rede de Ignition Capital Network e internacionais, que complementaram as operações com 2,8 milhões euros em co-investimento.

A par destes investimentos, a sociedade gestora de fundos de capital de risco público também investiu na Oliófora, na XLR8, na Homeit e na TripWix, start-ups da área do turismo resultantes da Call Tourism anunciada a 6 de junho, assim como na Advertio e na Agrimarketplace, ambas provenientes das edições de 2018 da Call MVP.

Com estas participações, a PV terminou o primeiro semestre com 14 investimentos realizados num total de 9 milhões de euros contratados.

A CEO da Portugal Ventures frisou, em comunicado, que estes novos investimentos “representam a importância da Portugal Ventures na dinamização do mercado em conjunto com outros parceiros de co-investimento. Apresentaram-se à call um conjunto de projetos das várias áreas onde a Portugal Ventures atua – Life Sciences, Digital, Engineering &Manufacturing – com um enorme potencial e com equipas com um know-how especializado que nos permite encarar o futuro com muita confiança”. Rita Marques, acrescentou ainda que “terminar o semestre com este volume de investimento é também a prova do esforço de toda a equipa da Portugal Ventures e o culminar do trabalho que, juntos temos vindo a desenvolver desde maio de 2018″.

Comentários