Os fundadores das 100 start-ups selecionadas podem participar em workshops e eventos do Fórum Económico Mundial durante os dois anos que permanecem no grupo de Pioneiros da Tecnologia de 2022.

O Fórum Económico Mundial (WEF) divulgou a lista das 100 start-ups de tecnologia inovadoras que integram o grupo de Pioneiros da Tecnologia de 2022. A lista engloba empresas em estágio inicial de crescimento de todo o mundo que são pioneiras em novas tecnologias e inovações, e que vão desde serviços de saúde e financeiros ao metaverso.

“Estas start-ups estão na vanguarda de seus setores, liderando mudanças e resolvendo alguns dos problemas mais prementes do mundo, incluindo mudanças climáticas, segurança alimentar e segurança cibernética”,  explica o Fórum Económico Mundial.

Nenhuma empresa portuguesa integra a lista de Pioneiros em Tecnologia do Fórum Económico Mundial, que inclui start-ups de 30 países — o Vietnam, Ruanda e República Tcheca entraram na lista pela primeira vez.

Da lista o Fórum Económico Mundial destaca algumas empresas, entre elas a Emerge, dos Estados Unidos, que pretende melhorar as interações virtuais através de um dispositivo que dá um efeito tátil aos utilizadores que participem em reuniões virtuais, a chinesa Ampd Energy, que desenvolve sistemas de armazenamento de energia de bateria, e a Alife (EUA), que usa inteligência artificial para melhorar a taxa de sucesso da fertilização in vitro.

Pela primeira vez, mais de um terço das empresas selecionadas são lideradas por mulheres, informou o Fórum Económico Mundial. Os fundadores das start-ups selecionadas são convidados a participar em workshops, discussões e eventos do fórum durante os dois anos que permanecem como membros da comunidade.

Entre os negócios que já fizeram parte do grupo estão grandes empresa como Airbnb, Google, Spotify e Twitter.

Conheça, abaixo, as start-up europeias que integram o grupo de Pioneiros da Tecnologia de 2022 e aceda à lista completa no site do Fórum Económico Mundial.

  • Beenova AI (Reino Unido) –plataforma de aprendizagem personalizada baseada em IA destinada a instituições de ensino e empresas.
  • Betteries (Alemanha) – Reciclagem de baterias de veículos elétricos que são convertidas em sistemas de energia móveis acessíveis.
  • Circulor (Reino Unido) – Uma tecnologia comprovada para a rastreabilidade da cadeia de suprimentos em tempo real.
  • Citibeats (Espanha) – Análise ética de big data e inteligência artificial.
  • Collective Benefits (Reino Unido) – Plataforma de seguros e benefícios para trabalho independente.
  • Cyacomb (Reino Unido) – Ajuda empresas que atuam no setor legal, social media e de nuvem a encontrar e a bloquear conteúdo nocivo de pedófilos e terroristas.
  • Dendra Systems (Reino Unido) –Equipa de cientistas, ecologistas e engenheiros com a visão de restaurar o equilíbrio de mundo natural biodiverso.
  • EJARA (França) – Permite que africanos francófonos construam e protejam as suas riquezas.
  • Embion Technologies (Suíça) – Tecnologia para soluções sustentáveis ​​de nutrição e saúde a partir de biomassa.
  • Enerbrain (Itália) – Cria ambientes mais saudáveis ​​e energeticamente eficientes.
  • Fluency (Reino Unido) – Disponibiliza moedas digitais do banco central e pagamentos digitais universais.
  • Mission Space (Luxemburgo) – Um sistema de inteligência meteorológica espacial baseado em satélite privado.
  • MIWA (República Checa) – Previne a criação de resíduos de embalagens descartáveis.
  • Nu Quantum (Reino Unido) – Contribui para a computação quântica escalável através de redes fotónicas.
  • Oxford Quantum Circuits (Reino Unido) – Constrói computadores quânticos para permitir descobertas que mudam vidas.
  • Plan A (Alemanha) – Um fornecedor de soluções de software de contabilidade e de descarbonização de carbono.
  • Proton (Suíça) – Fornece serviços de internet privados por padrão.
  • Roboze (Itália) – Apresenta uma tecnologia de impressão 3D para superpolímeros e compostos de alto desempenho.
  • ROCSOLE (Finlândia) – Apresenta métricas sobre condições de processo difíceis, para melhorar eficiência operacional da indústria.
  • Somnium Space (Reino Unido) – Plataforma de realidade virtual aberta e social alimentada por blockchain.
  • TechWolf (Bélgica) – Desenvolve uma visão geral corporativa das competências e lacunas dos funcionários.
  • Twin Science (Reino Unido) – Desenvolve as competências das crianças através da aprendizagem STEM orientada a propósitos.
  • Wolfprint 3D (Estónia) – Plataforma que cria avatares 3D realistas de pessoas para Realidade Virtual e jogos.

 

Comentários