A celebrar o terceiro ano de existência em Portugal, polo nacional da Entrepreneurs Organization (EO), anunciou já ter ultrapassado a fasquia dos 30 membros.

A Entrepreneurs Organization (EO), uma das maiores redes mundiais “peer to peer” de empreendedores, já conta com a presença de 31 membros no mercado português de diferente áreas e setores de atividade. Com uma idade média na ordem dos 44 anos, gerem negócios que geram uma média de receitas de 2,6 milhões de euros e empregam 2700 trabalhadores, refere a organização e comunicado.

Para integrarem o polo português da EO os membros devem ser o fundador, co-fundador, proprietário ou acionista de uma empresa que fature, no mínimo, cerca de 900 mil euros (1 milhão de US dólares) anuais.

Liderada por Miguel Santo Amaro, fundador da Uniplaces, a EO Portugal está presente em Portugal desde fevereiro de 2017 e os seus membros representam indústrias tão diversas como a agricultura, automação, tecnologia, consultoria, imobiliário, turismo e outras, com uma média de vendas na ordem dos 2,6 milhões de euros e dão emprego a mais de duas mil pessoas, refere a organização em comunicado.

Neste clube exclusivo junta-se um grupo de empreendedores com interesses semelhantes, focados no crescimento dos negócios, desenvolvimento pessoal e envolvimento com a comunidade, numa missão de “envolver os principais empresários na aprendizagem e crescimento para construir as comunidades de empreendedores mais influentes do mundo”, referem os responsáveis  da EO Portugal.

Internacionalmente, esta rede integra cerca de 14 mil empresários e empreendedores, 165 pólos e está presente em 61 países. Foi fundada em 1987 por um grupo de jovens empreendedores e pretende ser um espaço de aprendizagem para os seus membros, de forma a alcançarem sucesso quer nos seus negócios quer na vida pessoal.

Comentários