Ser um bom comunicador é importante para quem está à frente de um projeto ou de um negócio. Esta é uma skill que precisa aprender, caso tenha algumas falhas neste domínio e se quiser ser bem sucedido.

Criar conexão com as pessoas que fazem parte do seu trabalho – clientes, funcionários, familiares, amigos ou mentores – e ter uma boa capacidade de comunicação são aspetos fundamentais para alcançar o sucesso enquanto empreendedor. Se quiser inspirar e persuadir quem o rodeia e partilhar a sua visão e objetivos é fundamental. Para isso, é preciso ser uma “pessoa de pessoas”, o que nem sempre é uma tarefa fácil. Mas o Entrepreneur enumerou três dicas que o podem ajudar a melhorar esta vertente da sua personalidade e comportamento.

Saber ouvir – Muitos empreendedores acabam por falar mais do que ouvir, por estarem entusiasmados com as suas próprias ideias, visões e objetivos. Mas é ao ouvir os outros, novas opiniões e ideias, que muitas vezes se chegam a outras perspetivas que podem ser úteis para sua atividade. Ouvir os clientes pode ajudá-lo a perceber o que está a correr bem e o que não está, da mesma forma que ouvir a equipa pode ajudar a melhorar o sistema e a estratégia de trabalho.

Construir relacionamentos – Construir uma boa ligação passa por nos sabermos meter no lugar do outro. Quando há uma boa relação com os funcionários eles sabem que tem a capacidade de entender os seus pontos fortes e fracos e as suas necessidades, o que ajuda a definir um objetivo mútuo e a trabalhar com a mesma motivação para chegar aos mesmos resultados. Ser um bom ouvinte é uma boa forma de começar a construir uma boa relação.

Pode, por exemplo, adotar simples gestos que podem ajudar como suavizar a voz e, sobretudo, sincronizar a sua energia com a dos outros. Ao sentir que é semelhante a eles, os seus colaboradores vão sentir-se mais confortáveis e ter mais confiança em si.

Assumir o melhor – Em ambiente escolar ou de trabalho, se tem baixas expetativas sobre alguém – ao assumir que essa pessoa não é inteligente, sincera ou competente – a tendência é que essa pessoa tenha um mau desempenho. Mas se as expetativas forem altas, o desempenho tende a ser melhor, mesmo que tenha a mesma aptidão de quem teve um desempenho pior. Em suma, ao assumir o melhor dos seus funcionários, a motivação destes irá aumentar. Quando assume que os seus clientes vão gostar do que tem a oferecer, também eles se vão sentir mais positivos sobre a oferta.

Ao lidar com uma reclamação, acredite na sinceridade do cliente/funcionário. Dessa forma é mais fácil encontrar uma solução. Assumir o melhor das pessoas é a meta não só para o sucesso, como também para o respeito.

Comentários