Quase um ano depois de ter entrado em Portugal, a plataforma criada na Estónia mantém os seus planos de crescimento para o mercado nacional.

A plataforma de CRM de vendas que em maio do ano passado se instalou em Portugal, concretamente em Lisboa, prepara-se para reforçar a sua presença no mercado nacional. Depois de ter contratado 45 profissionais em 2017, a Pipedrive que se posiciona como um player de referência no ecossistema tecnológico e de start-ups, anunciou o crescimento das operações locais mantendo o objetivo de chegar aos 100 colaboradores durante o segundo ano de atividade no mercado português. O CEO da empresa, Timo Rein, mostrou a sua satisfação quanto à performance do escritório local. “A nossa equipa de experts em Lisboa é agora um pilar forte e estratégico do trabalho da Pipedrive, no que toca ao suporte fornecido e a capacitar as empresas ao nível das vendas”, frisou.

Internacionalmente, a empresa, criada em 2010 e que já arrecadou 30M€ em rondas de investimento, que está presente em 170 países e ultrapassou os 70 mil clientes.

Entretanto, a anunciou também que o novo escritório de Londres vai ser liderado por Laurence Bret-Stern, profissional que depois de seis anos no LinkedIn, como Leadership Board de EMEA, junta-se agora à equipa.

Comentários