Incubada na OPEN, da Marinha Grande, a start-up UZME Everywhere quer avançar para produção e procura investimento.

Uma lancheira que permite aquecer a comida em qualquer lugar, em cinco minutos, usando apenas uma recarga descartável geradora de calor, sem depender de gás ou eletricidade. As recargas contêm uma combinação única de minerais capazes de libertar o calor necessário para aquecer uma refeição, quando ativados pela água.

Esta é a proposta da UZME Everywhere, uma jovem start-up, com uma equipa de cinco pessoas, que conta com o apoio da incubadora OPEN, da Marinha Grande, onde está instalada. João Campos, um dos cofundadores da Uzme ( conjuntamente com Diogo Lopes) explicou ao Link To Leaders que o projeto surgiu de necessidades como “querer comer comida saudável sem estar em longas de fila de espera para usar microondas; precisar de almoçar enquanto se está a deslocar de um local para outro; ter vontade de comer num jardim, em vez de estar confinado a uma copa de escritório sobrelotada”.

Com um modelo de negócio B2C na área das lancheiras e produtos para uso outdoor, a UZME tem como target pessoas preocupadas com hábitos alimentares, jovens trabalhadores, estudantes, campistas, interessados em produtos inovadores (“early adopters”) ou trabalhadores com espaços de refeição limitados devido à Covid-19.

A lancheira procura combinar um design original de linhas modernas e os aspetos práticos essenciais, tais como uma pega para o transporte, isolamento térmico e uma tampa à prova de líquidos.“Também queremos ser inovadores no fabrico e, para isso, estamos a desenvolver uma linha de produção nacional que integrará os princípios e tecnologias da Indústria 4.0”, explicou João Campos.

A start-up está sediada na Marinha Grande, mas, de momento, opera a partir de Lisboa e pretende abranger todos os continentes através de vendas online, como refere o seu cofundador. “Esperamos ter um alcance mundial. No entanto, o maior foco estará nos países do Norte da Europa, que têm uma certa “tradição” no uso de lancheiras, Canadá, EUA e Índia, que têm mercados de lancheiras e campismo promissores”, acrescenta João Campos.

Neste momento necessitam do “apoio de alguém com experiência em crowdfunding, que nos possa dar algumas dicas sobre quais as melhores estratégias a adotar, e de divulgação através de plataformas digitais”, por exemplo.

Ultrapassar dificuldades
Como muitas start-ups, dificuldades não faltam e, de forma geral, confidencia o empreendedor, “o mais difícil é arranjar o financiamento necessário para o investimento nos moldes de injeção necessários para o fabrico da lancheira”. Por isso, neste momento, os responsáveis da UZME querem aumentar o alcance da divulgação do site a partir do qual podem recolher emails de potenciais interessados, que serão usados num futuro próximo para divulgar a campanha de crowdfunding.

“Optámos por uma estratégia de crowdfunding no Indiegogo, dado que nos permite validar o produto junto do mercado e obter o capital necessário. Neste momento, estamos numa fase de “pré-campanha” em que o principal objetivo é recolher emails. Ao registarem o seu email, os utilizadores receberão automaticamente um desconto de 40% no preço normal de venda.

O site da empresa foi lançado há pouco tempo e já conta com subscritores de 21 países, espalhados por todos os continentes. Começar a produção com o capital angariado é o objetivo final da campanha.

Refira-se que a UZME Everywhere venceu o programa de aceleração para empreendedorismo de base tecnológica TAKE OFF, financiado pelo Portugal 2020.

Resumo:
Responsável: João Campos e Diogo Lopes, cofundadores
Área:  Alimentação
Produto: Lancheiras
Mercados: Nacional e internacional
Necessidade: Investimento
Site: myuzme.com
Contacto: joao.campos@myuzme.com

Comentários