São 14 as start-ups nacionais a concorrer para um Global Startup Awards. Estão em votação projetos de sete países.

O concurso Global Startup Awards, que todos os anos seleciona e premeia start-ups europeias com um desempenho assinalável no âmbito empresarial e nos serviços prestados à comunidade, tem a decorrer online a votação dos projetos finalistas.  Trata-se das start-ups escolhidas por cada país para marcar presença na competição que agora estão a ser alvo da votação pública que irá escolher os vencedores das 20 categorias em jogo.  A votação pode ser efetuada até dia 20 deste mês.

Portugal está representado em 18 categorias, a saber: Luggit, Scubic (em duas categorias), Sanjotec, Delox, Keep Warranty (em três categorias), Avila Spaces, Barkyn, Portuguese Table, PeekMed, Startup Portugal, Taikai, Fractal Mind  (duas categorias), Olisipo Way e Wisecrop. O nosso país, que integra a região South Europe Startup Awards, concorre com Espanha, França, Itália, Grécia Malta e Chipre.

Nos dias 27 e 28 de fevereiro, em Turim (Itália) será realizada a Grande Final regional da competição. Cada país terá um vencedor nacional em cada categoria.

Comentários