A plataforma metasearch do setor imobiliário anunciou o reforço da sua presença no mercado nacional com a cobertura total do país.

Depois de Lisboa, Porto e Algarve, a plataforma já disponibiliza o acesso a dados completos do mercado imobiliário a nível nacional, desde Vila Real a Bragança, passando por Évora a Braga, incluindo Açores e Madeira.
Criada pelos empreendedores Mila Suhareva e Nils Henning, a Casafari, start-up que recorre à inteligência artificial, apoia os agentes imobiliários no acesso aos novos imóveis listados a controlarem as reduções de preços, verificarem todas as agências que listam uma propriedade e a que preço, e a obterem uma análise adequada do preço por metro quadrado e ao preço de venda habitual na área.

Tornar o mercado imobiliário mais eficaz e mais transparente através da inteligência artificial, é o objetivo da plataforma que agrega mais de seis milhões de referências na Alemanha, Espanha e Portugal. Através da Casafari, as agências conseguem monitorizar todas as alterações no seu próprio portfólio feitas pelos concorrentes, bem como as violações de exclusividade, já que consegue agregar e disponibilizar toda a informação em tempo real sobre os imóveis listados. Nos dois últimos anos, a equipa da Casafari esteve envolvida no desenvolvimento de uma infraestrutura própria interna e em modelos de machine learning.

A Casafari já trabalha com diversas agências imobiliárias nacionais entre as quais se encontram nomes como a Sotheby’s International Realty, a Century 21, a RE/MAX Prestige, a JLL, a Savills, a Fine&Country, a Engel & Völkers, a Keller Williams ou Lucas Fox.

Os fundadores do projeto têm vários anos de experiência no mundo dos negócios. Nils Holger Henning esteve envolvido em três start-ups avaliadas entre os 100 e os 600 milhões de dólares: a BigPoint, a Kreditech e a Adjust, enquanto Mila Suhareva ligada a várias empresas tecnológicas. Os dois fundadores da Casafari foram parceiros no fundo YoungBrains, cofundando e investindo em várias start-ups, entre as quais a Whow Games, IDnow, justBook, Secret Escapes, Edition F e Meatjet.

Comentários