O repto foi lançado pelas redes sociais. A têxtil Pedrosa & Rodrigues, especializada na produção de moda, está a recrutar fábricas com capacidade para grandes produções, para responder a um pico de produção.

A têxtil de Barcelos lançou um apelo nas redes sociais: “A Pedrosa & Rodrigues está a alargar a rede de Confeções Parceiras e procura fábricas com capacidade para grandes produções, em regime de subcontratação. Pedimos às Confeções interessadas que por favor nos contactem pelo Messenger, sendo que será dada preferência a empresas com corte, confeção e embalagem integrados”, escreveu a empresa espacializada na produção de moda na sua página do Facebook.

“Surgiu aqui uma necessidade para dar resposta, felizmente estamos a atravessar um pico que está a ser um pouco mais esticado, e que neste momento nos leva à procura de novos parceiros”, explica Miguel Pedrosa Rodrigues, administrador da empresa de Barcelos, citado pelo jornal T, da Associação Têxtil e Vestuário de Portugal.

O pico é já totalmente focado na produção de moda, sendo que há peças com encomendas mais numerosas, para as quais a empresa precisa de parceiros. “Já não tocamos em máscaras ou equipamentos de proteção há meses”, acrescenta.

Com uma equipa fixa de cerca de 100 colaboradores, esta empresa está já habituada a recorrer à subcontratação para responder a picos de produção: “Trabalhamos habitualmente com uma rede de 15 a 25 confeções, mas neste momento, com esta contingência, precisamos de mais parceiros”, explica Miguel Pedrosa Rodrigues.

A Pedrosa & Rodrigues procura agora estabelecer parcerias com empresas especializadas em vestuário em malha e localizadas até 60 km de distância de Barcelos

Resumo:
Responsável: Pedrosa & Rodrigues
Área: Moda
Produto: Confeções
Mercado: Português
Necessidade: Fábricas com capacidade para grandes produções, em regime de subcontratação.
Contacto: Página do Facebook da Pedrosa & Rodrigues.

Comentários