Programa de aceleração Basco BIND 4.0 convoca start-ups

O programa de aceleração de start-ups recebe candidaturas até dia 6 de setembro. Este ano também engloba a área da saúde.

Já está em marcha mais uma edição do BIND4.0, um programa de aceleração Basco fundado em 2016 com o objetivo conectar empresas líderes dos setores da Indústria Inteligente, Energia Limpa e Sustentabilidade, Saúde e Alimentação com start-ups de qualquer parte do mundo, detentoras de produtos ou serviços tecnológicos inovadores na área da Indústria 4.0.

Este ano tem a particularidade de incluir também a área da saúde, em três categorias específicas para identificar soluções designadamente ao nível do diagnóstico, da terapêutica e dos cuidados.

As candidaturas para a 9.ª edição estão abertas até 6 de setembro e as start-ups interessadas devem apresentar as suas propostas para responder a um ou mais dos 12 novos desafios identificados pelas empresas participantes, em setores de atuação como eficiência energética e redução do impacto ambiental; transformação, otimização e digitalização dos processos industriais; desenvolvimento do negócio / oferta aos clientes finais; metodologias, ferramentas e apoio organizacional; soluções de mobilidade.

Entre os benefícios para as start-ups participantes, destacam-se a validação de mercado, o acesso a 70 empresas líderes, aceleração de start-ups, redes de contatos, contratos de valor médio de 43 mil euros, imersão no seu setor de atividade, mentorias de qualidade, networking e crescimento.

A BIND é a plataforma público-privada de inovação aberta focada na indústria inteligente, da responsabilidade do Departamento de Indústria, Transição Energética e Sustentabilidade da SPRI – agência basca para o desenvolvimento empresarial.

Até à data, o BIND 4.0 já financiou cerca de 240 start-ups e desenvolveu mais de 320 projetos, ultrapassando os 9 milhões de euros de volume de negócios.

Comentários

Artigos Relacionados