Há algum tempo que tenho estado off para dizer o mínimo sobre como os mercados estão a subir sem nenhuma razão lógica real. Na realidade, havia tantos sinais de alerta negativos por aí. Ao entrar nesta crise financeira, temos que entender que já estávamos vivendo uma crise não concretizada em todo o mundo.

Estávamo-nos a afundar cada vez mais num buraco de crise mundial sem valores, iniciado por Trump e aprofundado por outros líderes que Trump apoiava e que juntos partilhavam visões nacionalistas semelhantes. Isso resultou numa rápida destruição de anos de cooperação entre países. Governos e líderes empresariais de países desenvolvidos para o mundo em desenvolvimento saltaram para essa onda de crescimento baseada em dívida, o que contribuiu ainda mais para esta tempestade financeira perfeita de mercados supervalorizados. Colocámos aumentos nos lucros e no mercado de ações acima da distribuição justa e de longo prazo de riqueza e recursos.

Permitimos que os ricos ficassem mais ricos e incentivámos os pobres e a classe média a consumir acima das suas possibilidades, para que trabalhassem mais e contribuindo, assim, pelo consumo e pela produção para a ascensão dos mercados de ações. Os governos alimentaram ainda mais o fogo ao aprovar reduções e incentivos fiscais desnecessários, cuja única intenção era o aumento contínuo da avaliação do mercado, independentemente dos fundamentos preocupantes.

Investidores e instituições simplesmente acreditavam que este é o novo mercado e que não chegará ao fim, mesmo que não possam explicar o sentimento exagerado. É um problema quando os líderes acreditam que o seu sucesso é medido apenas pelo aumento do mercado de ações e não pelo desempenho da sua população no terreno. Com uma classe média em desaparecimento e uma crescente diferença ao nível de rendimentos, a realidade é que economicamente os EUA e a maior parte do mundo desenvolvido não estavam realmente tão bem quanto os governos nos fizeram acreditar.

A história é uma coisa engraçada e parece sempre repetir-se. Acho que é verdade que, afinal, somos humanos e estamos condenados a continuar cometendo as mesmas suposições e erros que as gerações anteriores, mas sempre esperamos resultados diferentes, assim como eles mesmos.

Agora não podemos simplesmente culpar o Coronavírus porque atirámos gasolina ao fogo antes da sua chegada. O Coronavírus é o sintoma final e, sim, vital da nossa doença mais profunda. Uma doença que nos tornou egocêntricos como “países” e indivíduos, que nos queríamos tornar a nós próprios ótimos países novamente. Conhecíamos os benefícios que a cooperação mútua e os interesses culturais e transnacionais nos trouxeram. No entanto, decidimos eleger e apoiar líderes que mentem, têm antecedentes duvidosos, carecem de visão global e, simultaneamente, têm pouca moral para levar a humanidade ao futuro.

No final, só nos podemos e teremos que confiar em nós mesmos para sair desta enorme confusão. Com os lucros das empresas a reduzirem, baixas taxas de juros que limitam a resposta à crise, os preços do petróleo a descerem vertiginosamente e o sentimento do investidor a tornar-se negativo, estamos perto de entrar em pânico e este é o acumular da perfeita tempestade do mercado financeiro…

Na verdade, a tempestade financeira perfeita chegou, mas, infelizmente, como todas as tempestades que já ocorreram, esta pode levar mais tempo e ser mais difícil do que esperávamos. Amarre os machados e segure firme, porque vai ser um passeio cheio de buracos.

Versão do texto em inglês

The Perfect Financial storm has arrived and Coronavirus is not solely to blame.

For a while now I have been bearish to say the least, on how the markets have been going up without any real logical reason. In reality there were so many negative warning signs around. As we head into this financial crisis we have to understand that we were already living an unrealized crisis throughout the world.

We were sinking deeper into a worldwide crisis hole with no core values which was started by Trump and deepened further by other leaders which Trump supported because they shared similar nationalistic views. This ultimately resulted in a quick destruction of years of cooperation between countries. Governments and business leaders from developed countries to the developing world jumped onto this band wagon of debt based growth which further contributed to this perfect financial storm of overvalued markets.

We have put profit and stock market rises above long term and fair distribution of wealth and resources. We have allowed the rich to get richer and encouraged the poor and middle class to consume above their means so that they have to work harder and thereby contributing both by consumption and production to the rise of stock markets. Governments have further fueled the fire by approving unnecessary tax cuts and incentives whose sole intention was the continued increase in market valuation, irrespective of the worrying fundamentals.

Investors and institutions simply believed that this is the new market and it will not come to an end even though they couldn’t explain the exaggerated bullish sentiment. It’s a problem when leaders believe their success is measured solely on stock market increases and not on how their population is really doing on the ground. With a disappearing middle class and a growing income gap, the reality is that economically the USA and most of the developed world wasn’t really looking as good as Governments led us to believe. History is a funny thing, it always seems to repeat itself. I guess it stands true that in the end, after all, we are only human and are doomed to keep making the same assumptions and mistakes as previous generations did but we always expect different results just as they themselves did.

We can’t now simply blame Coronavirus as we were throwing Gasoline on the fire way before its arrival. Coronavirus is the final and yes vital symptom to our deeper sickness. A sickness that made us self centered as countries and as individuals as we only seemed to want to make ourselves and own countries Great again. We knew the benefits that mutual cooperation and cross border and cultural interests had brought us.

However we decided to elect and support leaders who lie, have dubious track records, lack global vision and simultaneously have low morals to lead humanity into the future. In the end we can only blame ourselves and yet we will have to rely on ourselves to get out of this huge mess. With company profits dropping, low interest rates limiting the response to the crisis, oil prices plummeting and investor sentiment turning negative we are close to panic and this is the build up to the perfect financial market storm….

Actually the perfect financial storm has arrived but fortunately like all storms they will pass, this one however could take longer and be tougher than we ever expected. Tie down the hatchets and hold on tight it’s going to be a bumpy ride.

Comentários

Sobre o autor

Avatar

Tim Vieira é empresário em Angola desde 2001, país onde possui, juntamente com o seu sócio Nuno Traguedo, um dos mais relevantes grupos de Media – a Special Edition Holding –, que emprega mais de 500 colaboradores e detém algumas... Ler Mais