Trabalha horas infindáveis e mesmo assim a produtividade não é a que deseja para o seu negócio? O seu desempenho pode não estar a ser o melhor e, provavelmente, chegou a altura se pôr em prática algumas estratégias.

Ser empreendedor não é fácil. A maioria trabalha muito, sete dias por semana, e faz grandes sacrifícios para garantir que o negócio cresce. Embora esse tipo de atitude seja viável durante algum tempo, muitos empresários presos nesse ciclo vicioso de trabalhar sem parar não cuidam de si. Ou seja, é importante trabalhar com afinco,  mas o excesso de trabalho pode levar a problemas de saúde ou a má gestão do tempo e, por consequência, a um desempenho ineficiente.
Apresentamos três estratégias que os empreendedores devem pôr em prática para desenvolverem um melhor equilíbrio entre vida pessoal e profissional, sem esquecer os benefícios para a própria saúde.

  1. A importância de dormir 

São vários os investigadores que destacam a importância de dormir o tempo necessário e com qualidade. Aliás, diversos estudos médicos mostraram que a privação do sono é uma das principais causas de stress e esgotamento (burnout) na vida de muitas pessoas. A empresária Arianna Huffington, por exemplo, é uma grande defensora da necessidade de dormir pelo menos oito horas por dia, para melhorar a capacidade de tomar decisões, o bem-estar geral, a criatividade e a produtividade.

As investigações científicas sobre o sono também mostraram que ao dormir as sete ou oito horas necessárias, o cérebro sinaliza o corpo para libertar mais hormonas e componentes que auxiliam a memória, mantêm o sistema imunitário em alta e diminuem uma série de fatores de risco. Em suma: dormir o suficiente e com qualidade é a chave para uma vida saudável e produtiva.

  1. Tirar férias

Existem vários benefícios para a saúde no facto de tirar férias, entre os quais a diminuição do stress, da depressão, assim como melhorias na produtividade. De que serve estar sempre a trabalhar se a produtividade  está em baixo e não há entusiasmo no que se faz? Os empreendedores que fazem pausas afastando-se das tarefas profissionais quotidianas, para ir de férias, geralmente voltam com mais força de vontade para superar os objetivos e entusiasmo. As férias permitem-lhes colocar os negócios em perspetiva, dão-lhes a oportunidade de desligar e desfrutar de tempo de qualidade.

  1. Fazer Pausas durante o período de trabalho

Não importa o quanto o empreendedor gosta ou está empenhado no sucesso do projeto, porque não é possível ser a força motriz do negócio se estiver esgotado. O CEO da Nutrition Solutions, Chris Cavallini, acredita fortemente nessa premissa e apoia a ideia de que fazer um intervalo de 60 segundos a cada hora irá permitir reiniciar, recarregar e ajudar a focar a mente, corpo e espírito no trabalho. Segundo este profissional este procedimento torna a equipa mais eficiente e produtiva. Por vezes, basta apenas uma pequena e rápida mudança mental ou física para voltar ao trabalho com mais criatividade e energia, ultrapassando um problema ou obstáculo que parecia não ter solução momentos antes.

Pesquisas recentes mostram que fazer uma pausa de dois minutos pode aumentar a produtividade até 11,15%. Como os empresários estão constantemente em movimento, várias pausas curtas ao longo do dia, devem ser incluídas devido aos benefícios que proporcionam.

Ficar em pé e alongar os músculos, descansar os olhos, exercícios rápidos ou até mesmo verificar as redes sociais (se isso não for o objeto de trabalho habitual), são algumas das coisas que ajudam a aumentar o desempenho e produtividade e que podem ser feitas durante as pausas.

Comentários