A Fintech House e a plataforma de open banking Railsbank fizeram uma parceria para desenvolver a comunidade fintech em Portugal

As duas entidades juntaram esforços com o objetivo de desenvolver a comunidade fintech no nosso país e ao mesmo tempo reforçar a sua ligação a outros hubs de fintech no mundo onde a marca Railsbank já está presente.

Assim, na sequência desta parceria, a Railsbank – plataforma que está sediada em Londres, mas com escritórios em Singapura, Lituânia, Filipinas, Vietname, Sri Lanka e EUA – apoiará a Fintech House com workshops técnicos, hackathons, mentoring para os fundadores e gestores, comunicação regular com start-ups e apresentações para a comunidade fintech Railsbank em toda a Europa, Sudeste Asiático e EUA.

Simão Cruz, cofundador da Portugal Fintech e da Fintech House, afirmou estar muito entusiasmado com esta parceria, referindo que “o objetivo da Fintech House é fornecer as melhores ferramentas para o crescimento de start-ups fintech e esta sinergia melhorará o acesso de qualquer empreendedor a serviços financeiros e a facilidade na criação dos mais variados use cases no ecossistema Fintech”.

“Esperamos ajudá-los [Fintech House] nos próximos anos a representar a voz das fintech portuguesas junto de outras comunidades”, concluiu Alejandro Murcia, Business Development do Railsbank.

Refira-se que a The Fintech House é um espaço fundado pela Portugal Fintech. Abriu as portas em janeiro de 2020 e foi construído para fazer convergir, num só local, todos os players necessários para criar um pólo internacional para a inovação tecnológica na indústria financeira. Reúne start-ups e organizações comprometidas na inovação (de seguradoras a nomes internacionais da banca e pagamentos) assim como parceiros essenciais para o aconselhamento legal ou tecnológico destes projetos.

Comentários