Este mês, coube à Casa do Impacto selecionar a start-up do mês. A escolha do hub de inovação e empreendedorismo social e ambiental da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) recaiu sobre a GoParity, uma plataforma de financiamento sustentável criada em 2017.

Nome da Start-up: GoParity

Fundadores: Nuno Brito Jorge, Luís Couto e o Manuel Nina.

Atividade: A GoParity é uma plataforma de investimento através de crowdlending que financia projetos de impacto social e ambiental com recurso à sua comunidade de investidores.

Volume de negócios: A GoParity ultrapassou em 2021 um volume de negócio superior a meio milhão de euros pela primeira vez.

Plano de negócios: Os objetivos passam agora por continuar o caminho da internacionalização nos dois lados do Atlântico, reforçando a presença na Europa central e do sul, bem como a implementação de áreas de negócio destinadas aos clientes/investidores empresa (B2B).

Porque merece destaque: A Casa do Impacto destaca a GoParity porque em tempo de pandemia viu os investimentos em projetos sustentáveis disparar na sua plataforma, confirmando a tendência que as pessoas estão cada vez mais à procura deste tipo de investimento. Só de janeiro a agosto deste ano, a GoParity atingiu um volume de investimento igual ao angariado nos três anos anteriores (3,8 milhões de euros), atingindo o marco de 7,6 milhões de euros de investimento desde a sua abertura. Nuno Brito Jorge, CEO e cofundador da GoParity, recebeu recentemente o Prémio EDUCAR da ADENE – Agência para a Energia.

Outra informação relevante: Também se podem esperar bastantes novidades de produto na GoParity, incluindo um redesenho da plataforma a apresentar durante o ano de 2022. A empresa tem também em andamento a preparação de uma nova ronda de financiamento.

Website: https://goparity.com/

Comentários