Esta é uma altura tramada para se ser um profissional na área de marketing! Muitas das estratégias que funcionavam há dois anos, já não resultam. Os canais que utilizávamos para comunicar com o cliente ontem, hoje já não são relevantes. E a tecnologia que faz chegar os nossos produtos ou serviços ao cliente hoje, vai estar ultrapassada amanhã. O que podemos então fazer, nós pobres apaixonados por marcas e comunicação, para sobreviver nesta realidade?

Tendo em conta que o próprio Kotler – a nossa estrela-guia – e os seus coautores demoraram apenas seis anos a substituir o marketing 3.0 pelo 4.0 (a versão 2.0 acompanhava-nos desde os anos 80), concluindo que esta é uma época híbrida, em que o digital se mistura com o tradicional, e na qual o marketeer tem de considerar a humanização do cliente, a horizontalidade das empresas, as transformações sociais e as revoluções tecnológicas e de interação na rede, talvez seja boa ideia deixarmos de segmentar tanto os conceitos.

Não podemos continuar a querer ser especialistas em marketing digital, ou trade marketing, ou marketing estratégico, ou comunicação a vida toda. Claro que, no início de carreira, é importante sabermos fazer bem alguma coisa e isso pode significar termos mais competências e conhecimentos numa área mais restrita. Mas, à medida que “crescemos”, precisamos desenvolver um perfil mais estratégico e analítico, sendo capazes de circular com facilidade por várias áreas. Isto porque lidamos diretamente com equipas tão variadas como as de sistemas de informação, finanças, logística, recursos humanos, desenvolvimento e inovação e muitas outras. Um gestor de marketing desempenha um papel mais abrangente e estratégico para a organização do que no passado e, por isso, estar atento a tudo o que acontece dentro e fora da sua empresa tornou-se um fator imprescindível e de sobrevivência dentro das organizações.

O mundo que encontrei há 10 anos, quando entrei no mercado de trabalho, é completamente diferente daquele em que me encontro hoje e apesar das dores de crescimento, o marketing e a comunicação continuam a ser uma paixão. Por isso, para quem está no mesmo caminho (independente da fase em que se encontra), partilho cinco competências que me parecem essenciais para evoluir neste setor:

  1. Tenha os braços (e a cabeça) aberta para receber novas ideias. Seja recetivo a qualquer inovação e ágil na maneira como se adapta à mudança.
  2. Case com a ideia de aprendizagem contínua. Comprometa-se a aprender novas competências e aumentar o seu conhecimento, em diferentes áreas, ao longo de toda a vida. Além disso, seja capaz de desinvestir em competências antigas quando estas se tornam menos relevantes.
  • Alimente-se de dados. Pode ser mais ou menos techie, mas precisa ser cada vez mais analítico e fluente na linguagem de dados. Estes são fundamentais para realizar análises e suportar decisões estratégicas.
  1. Apaixone-se pelos seus clientes (e produtos). Preocupe-se com os seus clientes (e produtos), conheça-os profundamente para entender tudo o que é possível sobre eles e, assim, responder melhor às suas necessidades.
  2. Respire criatividade e pensamento inovador. Seja criativo e disruptivo, mesmo num mundo baseado em dados e tecnologia. Mas criatividade e pensamento inovador agora e no futuro não significam necessariamente coisas como sonhar com campanhas publicitárias “loucas”. Pode significar encontrar formas inovadoras de usar a tecnologia para resolver os problemas dos clientes ou procurar soluções criativas para os desafios do negócio.

O marketing é uma área muito empolgante e que está em rápida evolução atualmente. Abrace o ritmo acelerado da mudança, mantenha os olhos abertos para aprender coisas novas e lembre-se que, embora o mundo esteja cada vez mais automatizado, a essência e alma do marketing são as pessoas.

Comentários

Sobre o autor

Avatar

Rita Viegas é uma millennial convicta, apaixonada por pessoas e viciada em comunicação. Atualmente é responsável pelo marketing estratégico da OZ Energia, tendo sido anteriormente diretora de marketing da Eastbanc e desempenhado vários cargos em áreas de marketing e comunicação... Ler Mais