Quer vender online? Facebook Shops promete ajudar.

O Facebook Shops é o novo serviço do Facebook que promete ajudar as pequenas empresas a vender online no Facebook, Instagram e até no WhatsApp em tempos de pandemia de Covid-19.

Facebook anunciou esta semana um recurso de comércio eletrónico integrado às suas plataformas, para apoiar e incentivar os pequenos negócios. O Facebook Shops estará disponível na rede social principal, além do Instagram e WhatsApp. Assim como numa loja virtual, as empresas poderão criar um catálogo de produtos, com os respetivos preços e finalizar pagamentos.

Em comunicado a que o Link To Leaders teve acesso, o Facebook revela que “durante anos, as pessoas têm aproveitado as aplicações do Facebook para comprar e vender coisas, desde os tempos que se publicava uma fotografia de uma bicicleta com a legenda ‘Vende-se’, à implementação do Marketplace, e agora, através dos influenciadores e marcas presentes no Instagram. Quem usou estas aplicações ao longo dos anos é que teve a visão do que poderia ser o comércio online. E o Facebook quer tornar esta visão ainda mais real”.

Tendo em conta que neste momento muitas pequenas e médias empresas estão com dificuldades, com a lojas fechadas ou a ter de cumprir regras restritas de reabertura, o Facebook quer tornar o processo de compra “irreprovável” e capacitar qualquer pequeno empresário com as ferramentas para se ligar da melhor forma aos clientes, com a ajuda do Facebook Shops.

O Facebook garante que o Facebook Shops é uma forma fácil e gratuita de criar uma única loja online com acesso através do Facebook e Instagram. As empresas que usarem o ‘Facebook Shops’ podem escolher os produtos que exibem em catálogo e personalizar a aparência da ‘loja’ com uma imagem de capa e cores de destaque que melhor representam a marca. Isto significa que qualquer vendedor, por mais pequeno que seja, independentemente do orçamento, pode ter um negócio online e estar ligado aos clientes onde é mais conveniente: Facebook e Instagram.

As pessoas podem encontrar o Facebook Shops através da página de Facebook da empresa ou do perfil de Instagram, ou ainda, através de stories ou anúncios. A partir daí, é possível ver a coleção inteira de produtos dispostos, guardar produtos em que se está interessado e fazer uma encomenda – seja através do site da própria empresa ou mesmo sem deixar a aplicação, sendo que esta última possibilidade está somente disponível nos Estados Unidos.

À semelhança do que ocorre numa loja física, onde é preciso pedir ajuda a alguém, no Facebook Shops é possível enviar uma mensagem ao negócio online através do Whatsapp, Messenger ou Instagram Direct para colocar questões, pedir apoio, ou seguir entregas. Além disso, no futuro, será possível consultar a loja do negócio e realizar as compras diretamente no chat do Whatsapp, Messenger e Instagram Direct.

O Facebook já começou a implementar o Facebook Shops que vai estar disponível de forma mais alargada nos próximos meses. A rede social revelou ainda que está a investir em ferramentas que sejam transversais às outras aplicações, como o ‘Instagram Shop’ e as compras em direto através do Facebook e Instagram Live.

Os chamados Live também vão passar a poder ter ferramentas para vendas, podendo haver vendas durante vídeos em direto em Facebook e Instagram Live. “Esses produtos serão exibidos no vídeo para que as pessoas possam facilmente tocar para ter mais informações e comprar”, explica a rede social.

Os testes já começaram e a integração deve demorar “alguns meses”. Relativamente ao Instagram Shop, a integração só começa esteve verão e, para já, nos EUA. O separador ‘Explorar’ do Instagram vai passar a funcionar também como espaço onde se pode comprar produtos – para que eles surjam lá já deverá ser necessário pagar publicidade ao Instagram.

Em comunicado explica-se ainda que assim “é possível encontrar inspiração através de coleções com o @shop, ver a seleção das marcas e criadores favoritos, filtrar através de categorias como ‘Beleza’ e ‘Casa’, e comprar todos os looks de que se gosta, num só lugar”. Também previsto para 2020 está uma nova opção no separador ‘Explorar’ do Facebook “para que seja possível ir para o ‘Instagram Shop’ com apenas um clique”.

 

Comentários

Artigos Relacionados