As candidaturas para a edição do Alentejo do programa de Aceleração do Born from Knowledge (BfK) terminam a 21 de fevereiro. Esta iniciativa oferece acompanhamento e capacitação intensivos ao longo de três meses a investigadores, académicos e estudantes.

Equipas de investigadores que estejam a desenvolver projetos de base científica e tecnológica, com potencial para se tornarem num produto ou serviço com viabilidade económica, têm até ao dia 21 de fevereiro para se candidatarem à edição do Alentejo do programa de Aceleração do Born from Knowledge (BfK), promovido pela Agência Nacional de Inovação (ANI).

Segundo a ANI, “as sessões de apresentação do programa Centro e no Alentejo têm como missão incentivar os investigadores, académicos e estudantes a candidatarem os seus projetos por forma a serem acelerados através de uma metodologia que promoverá o desenvolvimento dos seus serviços/produtos até uma possível vertente de comercialização”.

“O Programa de Aceleração de Ciência e Tecnologia BfK Rise visa valorizar os resultados de I&D e de tecnologias existentes no sistema científico e tecnológico nacional com potencial de comercialização e disponibilizará acompanhamento e capacitação intensivos. O objetivo principal é facilitar a transferência deste conhecimento/tecnologias para o mercado, oferecendo aos investigadores mentoria e metodologias do universo empreendedor para validação dos seus projetos”, acrescenta.

O programa tem três edições – Norte, Centro e Alentejo – para aceleração de cerca de 24 projetos até ao final do primeiro semestre deste ano. Cada edição conta com três bootcamps diferentes (orientados à estruturação do potencial de mercado e à construção de um business case associado a cada investigação), um pitch training (sobre como apresentar e “vender” a solução de forma convincente) e ainda um Demo Day. A decorrer encontra-se também a edição Norte, que culminará no dia 28 de fevereiro, com a apresentação dos resultados.

As candidaturas à edição do Alentejo deverão ser realizadas até dia 21 de fevereiro.

O BfK é promovido no âmbito do SIAC – Iniciativa de Transferência de Conhecimento, cofinanciada pelo COMPETE 2020, através do Portugal 2020 e do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Comentários