Estudantes da Universidade da Virginia ajudam business angels a decidir em que start-ups investir

Na Universidade da Virginia há um clube sem fins lucrativos constituído por alunos, ex-alunos, professores e pais dos alunos, que investe exclusivamente em start-ups ligadas à instituição de ensino norte-americana. Chama-se CAV Angels.

À semelhança de investidores famosos como Mark Cuban, Lori Greiner, Daymond John e Barbara Corcoran do programa de televisão “Shark Tank”, estudantes da Universidade da Virginia, nos EUA, ouvem atentamente CEO de start-ups a explicarem as razões pelas quais acreditam que os seus projetos merecem ser investidos. No final da apresentação, os alunos colocam perguntas aos empreendedores e é feita a deliberação.

Trabalhando em equipa, os alunos escrevem relatórios que incluem secções sobre avaliação de produtos, dimensão do mercado e cenário competitivo, bem como uma análise financeira.

A partir daqui, os alunos organizam reuniões com os CEO, que respondem a perguntas de acompanhamento. A experiência termina com os alunos a entregarem os seus relatórios ao comité executivo do CAV Angels, um clube de Business Angels composto por ex-alunos, professores, alunos e pais de alunos da Universidade da Virginia, bem como amigos da instituição de ensino que se qualificam economicamente como investidores credenciados.

“É uma sensação especial ver os alunos da Darden [University of Virginia Darden School of Business ] a darem mentoria aos que se estão a formar como se estivessem a trabalhar para a mesma empresa de capital de risco”, explicou Richard Diemer, ex-aluno da McIntire School of Commerce.

O CAV Angels, que foi criado por Diemer, Dick Crawford e Jim Cheng em 2016, e que investe exclusivamente nas empresas e empreendedores que estão ligados à Universidade da Virginia, disponibiliza o programa CAVenture que já vai na sua terceira edição.

Este programa está aberto a todos os estudantes membros do CAV Angels. As empresas que procuram financiamento concordam em passar por um processo de due diligence (período de análise preliminar) conduzido principalmente pelos alunos, que são orientados pelo comité executivo do CAV Angels e por outros membros voluntários.

Adriana Maria-Gadala, Rachel Edwards, Alejandro Waquin e Sambriddi Pandey ganharam experiência no processo de due diligence através do CAVenture.

“Acho que uma das partes especiais desta experiência para os alunos é que eles recebem liderança numa área do projeto que lhes interessa pessoalmente”, disse Aaron Fernstrom, membro do conselho do CAVenture. “Muitos dos alunos que encontram o CAVenture têm uma curiosidade intelectual sem limites, que de muitas maneiras é o que faz um grande investidor e empreendedor – e estudante. Queremos alimentar isso o máximo que pudermos”, acrescentou o responsável.

Investimentos realizados
A missão do CAV Angels é promover a literacia no domínio do investimento em empresas privadas em estágio inicial e oferecer oportunidades de networking a quem partilha interesse em investimentos de private equity, bem como facilitar o investimento dos membros do clube em start-ups fundadas, detidas ou geridas pela “família” da Universidade da Virginia.

O clube conta já no seu portefólio com investimentos em várias start-ups, tais como Dive Technologies, que fabrica veículos subaquáticos autónomos destinados a fins comerciais de pesquisa submarina, a ARtGlass, fabricante de uma plataforma de realidade aumentada que utiliza óculos inteligentes, e a Micronic Technologies, uma empresa que criou uma tecnologia que pode remover bactérias de águas residuais.

O seu maior investimento até o momento foi de 800 mil dólares (703 mil euros) na X-Mode, uma empresa de dados de localização criada pelo ex-aluno da McIntire School of Commerce da Universidade da Virginia, Josh Anton.

Desde a sua criação, o Cav Angels – que não é formalmente afiliado à Universidade da Virginia – investiu aproximadamente 3,5 milhões de dólares (cerca de 3 milhões de euros) em projetos em estágio inicial.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados