O AgriHub vai localizar-se na Tapada da Ajuda e destina-se ao desenvolvimento de projetos de inovação em parceria nas áreas tecnológicas e de mecanização agrícola.

A Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGADR) conseguiu aprovação para criação de um centro de inovação de tecnologia e mecanização agrícola na Tapada da Ajuda. O AgriHub é financiado pelo Plano de Recuperação e Resiliência, Terra Futura, do Ministério da Agricultura e Alimentação.

O centro pretende acolher “futuras atividades de investigação, formação, demonstrações, e de projetos de inovação em parceria, com a participação de diversas entidades públicas e do ensino superior, empresas, associações e outras organizações”, explica a DGADR em comunicado.

O polo AgriHb, focado nas áreas da agricultura e tecnologia, tem como público-alvo os agricultores, consultores, prestadores de serviço, organizações de produtores e autoridades públicas.

Segundo o comunicado, a DGADR vai estabelecer novas parcerias “para reforçar a capacidade de investigação, inovação e capacitação”.

O centro vai localizar-se na Tapa da Ajuda nas oficinas de mecanização agrária, onde será feita uma recuperação, modernização e serão adicionadas mais infraestruturas de apoio paTa 46 postos de trabalho. Haverá também um auditório de realidade virtual, um um Laboratório de Formação e Estúdios Técnicos.

Comentários