A Católica Lisbon School of Business & Economics faz parte do top 30 da Financial Times para os melhores mestrados de finanças em todo o mundo.

A “business school” portuguesa ficou em 26º lugar no top que contempla os melhores mestrados em finanças. Este ranking teve em consideração, entre outros parâmetros, a média salarial pós-graduação, a taxa de empregabilidade, que se situa nos 95% e a percentagem de docentes internacionais que, no caso da Católica Lisbon, são perto de metade.

Segundo Guilherme Almeida e Brito, vice-dean da instituição: “a entrada da Católica-Lisbon no Ranking Global do Financial Times para os Mestrados em Finanças é, para nós, um motivo de grande orgulho, mas acima de tudo é um reconhecimento da qualidade dos nossos mestrados. Este resultado reflete igualmente a nossa forte aposta na internacionalização, cada vez mais um pilar crítico de afirmação da escola”.

Esta foi a primeira vez que a Católica Lisbon fez parte do ranking global do Financial Times para os mestrados em finanças.

Comentários