O cofundador e CEO da Web Summit deu ontem a conhecer a criação de um fundo de capital de risco de 44 milhões de euros para investir em start-ups.

Foi durante o dia de abertura da Web Summit que Paddy Cosgrave, CEO e cofundador do evento, deu a conhecer o novo veículo de apoio às start-ups. “Já ajudamos muitas empresas durante três dias. E que tal ajudarmos nos outros 362?”, adiantou Cosgrave ao Financial Times, o primeiro órgão de informação a avançar com a notícia.

O fundo estava a ser trabalhado desde maio, mas a grande novidade ficou guardada para ontem, o primeiro dia do evento que vai ocupar a zona oriental de Lisboa até quinta-feira. A empresa que ajuda as start-ups a ter visibilidade durante o evento vai agora ter um papel mais ativo no apoio financeiro dos seus clientes mais importantes.

Segundo o documento disponibilizado ao público pela Securities and Exchange Comission (SEC), o novo veículo de investimento vai-se chamar Amaranthine e vai arrancar com 50 milhões de dólares, ou seja, cerca de 44 milhões de euros. O fundo vai ser liderado por um antigo gestor do Goldman Sachs, Patrick Murphy, e por David Kelly, cofundador da Web Summit. O Amaranthine foi registado nos Estados Unidos e vai estar sediado no Delware, um estado que apresenta incentivos fiscais idênticos a offshores.

Segundo adianta ao Financial Times uma fonte desconhecida – que diz ter conhecimento da estratégia do fundo -, o novo veículo de investimento da organização está pronto para investir em start-ups de todas as fases, mas vai ter preferência pelos setores que marcarem as últimas tendências e pelos projetos que receberem mais atenção durante os seus eventos.

Apesar de não ser um fundo de grande dimensão, especialmente se olharmos para o panorama japonês, chinês ou norte-americano, recorde-se que a empresa organizadora da Web Summit conta também com eventos no Canadá (Collision), Hong Kong (RISE) e Irlanda (MoneyConf), o que a poderá colocar em contacto com start-ups em fases early-stage, onde as necessidades monetárias não são muito avultadas.

Comentários

Sobre o autor