Potenciar o empreendedorismo, através do apoio à criação de novos negócios e start-ups, com produtos e serviços inovadores no setor do turismo é a missão do Tourism Explorers.

Já está em marcha a 2.ª edição Tourism Explorers, um programa criação e aceleração direcionado para start-ups do setor do turismo e da mobilidade. Esta iniciativa promovida pela Fábrica de Startups e pelo Turismo de Portugal, em colaboração com o Automóvel Clube de Portugal (ACP), vai envolver 12 cidades (Porto, Lamego, Aveiro, Coimbra, Covilhã, Castelo Branco, Abrantes, Caldas da Rainha, Lisboa, Beja, Faro e Angra do Heroísmo), e decorre entre 12 de setembro e 31 de outubro. Localmente, o programa conta com o apoio de parceiros que asseguram o acompanhamento de cada projeto nas respetivas cidades.

Este programa é composto por duas fases: Ideação e Aceleração. A primeira tem lugar entre 12 e 14 de setembro, e nela os participantes são desafiados a propor soluções na área do turismo e da mobilidade. Posteriormente, na fase de aceleração (de 26 de setembro e 31 de outubro), onde têm o apoio de formadores e mentores especializados, as equipas terão oportunidade de testar e validar os seus modelos de negócio.

À semelhança da edição do ano passado, que envolveu mais de 500 pessoas a desenvolverem o seu negócio, também este ano o objetivo do projeto passa por “agregar o espírito empreendedor dos portugueses em torno de desafios muito concretos, submeter essa energia à aplicação intensiva da metodologia de ideação e aceleração da Fábrica de Startups e, no final, gerar novas empresas com produtos, serviços e soluções inovadoras nas áreas do turismo e da mobilidade”, refere a organização em comunicado.

As candidaturas para o Tourism Explorers estão decorrer em www.tourismexplorers.pt. A final do concurso está programada para 31 de outubro.

Comentários