O ecossistema de start-ups em África está a ter um crescimento considerável, refletindo-se num aumento exponencial do número de projetos criados nos últimos cinco anos.

A dificuldade das start-ups africanas é encontrar investidores dispostos a apostar nos seus negócios. Neste campo, o melhor tipo de investidores são os business angels.

Conheça os dez grupos de business angels que se forcam maioritariamente em projetos criados no continente africano, segundo o Answers Africa.

  1. TBL Mirror Fund:

Este fundo investe em pequenas e médias empresas da parte oriental do continente africano. Focando-se neste tipo de empresas, o TBL Mirror opera em diversos setores de mercados emergentes. Com a experiência dos membros deste fundo, o valor acrescentado pelos investidores não só é financeiro, como também intelectual. CEO de grandes multinacionais, empreendedores veteranos e investidores de risco experientes são alguns dos especialistas que podemos encontrar neste grupo.

  1. eVA Fund:

O eVentures Africa Fund (eVA Fund) é o primeiro grupo de investidores do continente a investir em pequenas e médias empresas do setor de media digital. Com o melhoramento exponencial da Internet e da tecnologia a que a população africana tem acesso, há cada vez mais a necessidade de investir neste tipo de indústria. A maioria das pequenas e médias empresas africanas estão a desenvolver plataformas personalizadas e aplicações, que esperam vir a dar a conhecer a grande parte da população. As funcionalidades da Internet na área de negócios, e-learning e das transações são alguns dos campos pouco explorados.

  1. West African Synergies:

Este é um grupo de investidores que nasceu em 2010. Com sede na Holanda, na cidade de Amesterdão, a West African Synergies (WAS) é especialista em encontrar e desenvolver oportunidades de negócios na parte ocidental africana. A WAS tem uma sucursal da empresa mãe na Libéria, que trata dos projetos do continente africano.

  1. Africa Media Ventures Fund

A Africa Media Ventures Fund (AMVF) utiliza o capital e a experiência adquirida na Holanda para investir em empreendedores, com pequenas e médias empresas, no setor dos media. A AMVF, não só dá acesso a capital, como também a programas de desenvolvimento dos modelos de negócio das empresas em que investiram. Este fundo faz investimentos entre os 18 e os 180 mil euros.

  1. Jacana Partners

A Jacana Partners foi fundada em 2008 por um grupo de empreendedores e filantropos do Reino Unido que, depois de terem tido sucesso nos seus projetos, querem ajudar África a crescer economicamente. Este grupo ajuda pequenas e media empresas a criarem um negócio de sucesso através da sustentabilidade económica e social.

  1. Angel Investment Network

Com foco especial na África do Sul, o Angel Investment Network é um dos maiores grupos de investidores e de business angels africano. Tendo perto de 550 mil milhões de euros disponíveis para investir, este gigante ajuda empreendedores a encontrar investidores locais e globais para os seus negócios.

  1. Fanisi Capital

Fundado em 2009 pelo Norfund, um grupo de investimento norueguês que se foca em países em crescimento, e pelo Amani Capital Limited, este fundo de capital de risco dispõe de cerca de 45 milhões de euros para investir diretamente em projetos que tenham um bom potencial de crescimento.

  1. Adlevo Capital

Com sede nas Maurícias, a Adlevo Capital é um fundo privado de investimento criado com a convicção de que o desenvolvimento da economia da África Subsariana vai ser impulsionado pela aplicação da tecnologia nos diversos setores que atuam na região.

  1. Invenfin Venture Capital

Fundada em 2008, a Invenfin Venture Capital especializa-se em empresas que ainda estejam numa fase embrionária, fornecendo capital às start-ups para comercializarem a sua propriedade intelectual globalmente. Para além de dinheiro, a Invenfin disponibiliza também a sua experiência às empresas em que aposta. Este grupo prolonga os seus investimentos entre um a três anos, normalmente em troca de 30% a 49% da start-up em que investe.

  1. East Africa Capital Fund

O East Africa Capital Fund Partners (EACP) é um fundo de investimento focado nos setores da tecnologia, média e telecomunicações. Este grupo africano, que se foca na parte oriental do continente, conta com um fundo de perto de 90 milhões de euros, que espera utilizar para contribuir para o crescimento sustentável nos países daquela região.

Comentários