Foi apresentada na passada terça-feira, dia 21 de março, na AESE Business School, um livro desenvolvido pelo movimento “Bring Tesla Gigafactory to Portugal”.

O “Premium Book – The Book of Dreams” será limitado a 100 exemplares, sendo o primeiro endereçado a Elon Musk, o CEO da marca de carros norte-americana Tesla e criador da empresa espacial SpaceX.

O “sonho” de trazer a Tesla para Portugal iniciou-se em novembro de 2016 com “um post do Miguel Duarte” e, dada a projeção dessa iniciativa, com a criação de um grupo na rede social Facebook que conta, atualmente, com mais de 70 mil seguidores. De acordo com a cofundadora Patrícia Candeias, o “sonho” é poder contribuir para um futuro melhor para as novas gerações e que “seja um movimento inspirador”.

O mote deste movimento agregador da sociedade civil está dividido em quatro pontos: inovação, disrupção, exploração e adaptação/ação, que, segundo Miguel Coelho, cofundador do movimento, são os fatores principais que poderão convencer Elon Musk a apostar em Portugal.

Tanto o Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia como o Centro de Excelência para a Inovação da Indústria Automóvel serviram de exemplo para o fator inovação. O cofundador referiu-se ainda aos portugueses como disruptores, uma vez que estão neste momento a quebrar a crise e a tentar dar a volta por cima, tal como Elon Musk fez no início da sua carreira.

Além disso, o movimento utiliza os Descobrimentos da nação portuguesa do século XV e XVI para suportar o terceiro ponto do movimento, a exploração.

A versatilidade e resiliência dos portugueses está mais do que testada, devido às condicionantes socioeconómicas dos últimos anos, defende o movimento. Segundo Rui Miguel Coelho, “nos dias de hoje não é o talento que importa, mas sim a capacidade de se adaptar às contrariedades”.

O território nacional tem ainda um trunfo nas mangas: é o quinto maior produtor de lítio do mundo. Este é um dos principais elementos no que toca à criação de baterias, podendo assumir-se como um dos pontos fortes e decisivos “visto que todos os carros produzidos pela marca norte-americana são 100% eléctricos”.

O livro, que entretanto chamou a atenção do Presidente da República, conta com a participação de 16 fotógrafos portugueses e pretende mostrar ao CEO da Tesla, através de fotografias acompanhadas de pequenos textos escritos em inglês e português, a simbiose entre a beleza das infraestruturas portuguesas e a natureza.

O movimento “Bring Tesla Gigafactory to Portugal” conta com vários apoios e algumas parcerias, nomeadamente a LUZBOA – Comercialização de Energia, que permitem fazer face aos custos de divulgação e realização de iniciativas.

O movimento vai marcar presença no Festival Green Fest em Torres Vedras no próximo sábado, 25 de março. Entre os dias 27 e 31 de março, decorrerá ainda o Tour Nacional do Movimento #gigainportugal que vai percorrer o país, passando por Guimarães, Porto, Braga, Bragança, Coimbra, Leiria, Lisboa, Évora, Beja, Faro, Aveiro e Viseu.

 

 

Comentários