O Mosteiro de Lorvão, na região de Penacova, procura atrair investidores para adaptar o imóvel e o espaço circundante para fins turísticos.

Situado a pouco mais de meia hora de Coimbra, o Mosteiro de Lorvão prepara-se para uma nova fase na sua já longa existência. No final do ano, foi anunciado o concurso público internacional para a concessão do espaço (no âmbito do Revive, um programa que envolve os ministérios da Economia, Cultura e Finanças e as autarquias), uma iniciativa que pretende atrair investidores para este que é um exemplo do património nacional, fundado em 878 e alvo de sucessivas alterações nos séculos XVII e XVIII. “Uma oportunidade única para atrair investidores”, frisou a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, na ocasião de divulgação do concurso de concessão.

Agora, está em cima da mesa a transformação do mosteiro numa unidade hoteleira com 90 quartos (e com ambições de cinco estrelas), projeto que envolve um investimento estimado na ordem dos seis milhões de euros. Está em causa um mosteiro, classificado como monumento nacional, com uma área florestal e agrícola de cerca de quatro hectares para uso comum da futura unidade hoteleira.

Instalado no vale da Ribeira de Lorvão, o mosteiro está muito próximo do rio Mondego e das suas praias fluviais. Dentro do terreno, para além da vasta área florestada, existem ainda construções anexas, uma piscina, um campo de jogos e uma capela.

Os investidores interessados no espaço, poderão visitá-lo e apresentar as respetivas propostas de transformação em espaço turístico até ao dia oito de maio.

Quem assumir a gestão deste imóvel de origem medieval terá a concessão do espaço por um período de 50 anos. Ficam fora deste projeto a igreja, um espaço reservado a um projeto museológico e uma parte destinada a uso da Câmara Municipal de Penacova e das coletividades locais.

Recorde-se que o imóvel foi requalificado, no século XX, para receber o Hospital Psiquiátrico de Lorvão, que deixou de funcionar em 2012, quando diversas unidades de saúde da região deram origem ao Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC).

Imagens integradas no site revive.turismodeportugal.pt/pt-pt/mosteiro-lorvao

Resumo
Responsável: Estado
Área: Imobiliário
Produto: Mosteiro de Lorvão
Mercado: Nacional  e Internacional
Necessidade: Investidores
Contactos: https://revive.turismodeportugal.pt/pt-pt/mosteiro-lorvao

Comentários