Era uma vez, mais exatamente no segundo dia das nossas férias de verão, a minha filha mais velha e sua melhor amiga (#BFF – Best Friends Forever) decidiram montar um SPA na praia.

Esta iniciativa já vinha do verão anterior quando a família e amigos tinham sido submetidos a algumas “festas” e cócegas em troca de alguns euros. Elas pediram-nos para usar um guarda-sol e um quebra-vento extra que havia na casa de férias. Uma vez na praia, elas começaram a pendurar toalhas de praia, junto com o guarda-vento no guarda-sol para garantir a privacidade dos clientes num esforço de garantir uma experiência o mais agradável possível. Até escreveram as regras do negócio…

A minha filha mais nova pediu para participar no negócio, apenas para ser informada de que a empresa não estava a contratar. Ao vê-la tão frustrada, propus-lhe lançarmos um novo negócio… e a ” Matilde’s Lemonade” nasceu!

Sendo eu um consultor em construção de marca, este facto foi algo que ela valorizou desde o primeiro minuto, e que impulsionou a ideia a tomar forma e ver a luz do dia, muito embora, apenas tendo inicialmente como clientes alvo a família e os amigos.

O primeiro passo foi fazer a pesquisa de mercado e obter Consumer Intelligence, os insights acionáveis que nos permitiriam maximizar a criação de valor. Estes insights resultaram na decisão de lançar três variantes: limão, limão e gengibre e açucarado.

A “concorrência” (as #BFF) reagiu imediatamente. Inicialmente, planearam expandir o negócio do SPA e lançar uma linha de sorvetes. Para isso, contrataram a mãe, que é especialista em Integral Coaching e diretora executiva de um conhecido MBA internacional, como sua consultora. No dia seguinte, elas conseguiram uma parceria inovadora com a “Matilde’s Lemonade”. A Matilde foi inflexível em trazê-las para o negócio enquanto eu perguntei o que elas traziam para o negócio. Depois de um rápido encontro entre os “sócios”, o ativo estratégico “guarda-sol amarelo” do negócio da Spa tornara-se o novo ponto de venda na praia da “Matilde’s Lemonade”.

Tinha chegado a altura de desenvolver toda a estratégia de marketing!

PRODUTO: Limão e lima espremidos com água mineral Água de Luso. Gengibre fresco. Açúcar emprestado do café local para uma “experiência”. Embalagem PET do sumo de laranja natural do Pingo Doce reaproveitada, a Economia Circular em força! Os rótulos tiveram que sair e duas fatias de limão e uma de lima e cubos de gelo foram adicionadas para transmitir frescura. Como tínhamos apenas 10 clientes que mostraram interesse no produto, com três  preferindo a variante de gengibre e dois outros com açúcar, optámos por produzir um litro completo de “Matilde’s Lemonade Original” e levar o gengibre e o açúcar para adicionar na altura de servir.

PROMOÇÃO: Realizámos uma reunião para definir o plano de lançamento. Para destacar a cultura “jovem” e “artesanal” do negócio, pedimos à Matilde que desenhasse o seu próprio nome no poster (ela entrou para o primeiro ano da escola agora). Houston! Temos um problema … não há papel! Uma folha do rolo de papel da cozinha fez o truque. Também incluímos o preço e as características do produto que queríamos destacar: feito com ingredientes 100% naturais e água mineral. Um cabide tornou-se o suporte ideal para o cartaz promocional. Funcionou na perfeição, exceto quando havia muito vento. Nos dias seguintes quando sobrava produto, ofereceram degustações aos amigos dos amigos e até a alguns vizinhos.

PREÇO: Para o lançamento foi de 1 euro por copo de plástico de 10cl (comprado no supermercado). Ouvindo e reagindo em tempo-real ao feedback do cliente (o foco no cliente é crítico), informámos os nossos novos clientes que, se devolvessem os copos, faríamos um desconto de 50% na próxima compra.

DISTRIBUIÇÃO: depois de usarem o chapéu amarelo no primeiro dia, no segundo dia, ao perceberem que o público alvo se esgotava no grupo de amigos, mudaram por sua iniciativa o chapéu para junto da passadeira de acesso à praia. Isto trouxe novos consumidores e um fluxo financeiro adicional.

As duas #BFF ao perceberem que ambos os negócios eram complementares, começaram a oferecer pacotes de massagens, penteados e limonada. Depois de alguns dias deste processo empreendedor conseguiram em conjunto atingir o objetivo que era juntar dinheiro suficiente para irem ao “Slide & Splash”. Este era um dos objetivos da mais pequena para estas férias, tendo até feito uma pesquisa no Google no telemóvel da mãe para me mostrar que havia um destes parques na zona para onde vamos habitualmente passar férias.

Estava na hora de voltar para casa, e parece-me que ambas as minhas filhas e a sua melhor amiga, aprenderam algo que lhe vai ser muito útil no futuro: o valor do dinheiro, é necessário trabalhar para atingir objetivos, a resiliência dá sempre frutos, e tudo sabe melhor quando é fruto do nosso esforço. Deixámos o cartaz no sítio ideal… até porque a sorte ajuda os audazes!

E não se esqueça de partilhar com os seus filhos se achar estas mensagens relevantes.

Comentários

Sobre o autor

Luís Madureira

Luis Madureira é fundador da ÜBERBRANDS, uma boutique de consultoria estratégica que ajuda organizações e os seus líderes a navegar o ambiente competitivo com sucesso. É chairman da SCIP Portugal e foi recentemente distinguido com o Fellowship e convidado a... Ler Mais