De acordo com uma pesquisa recente promovida pela cadeia hoteleira Jurys Inn, Londres é a cidade europeia mais apetecível para a realização de negócios.

A referida análise envolveu mais de 1100 viajantes de negócios e também identifica o Reino Unido como o principal destino “Go-to” para viagens de negócios. Quando questionados sobre as cidades para onde mais viajam, 52% dos entrevistados afirmaram que Londres é uma das três cidades que visitaram com mais frequência. Segue-se Manchester, com 29% e Liverpool, com 19%.

Por outro lado, os participantes no inquérito também elegeram Londres como a cidade mais amigável para quem viaja em negócios, seguida de Paris, Berlim, Amesterdão e Manchester. Ainda segundo esta pesquisa, as cidades de Cardiff, Aberdeen e Glasgow são as mais populares entre os empresários dos setores de media, marketing e publicidade e relações públicas.

As razões mais citadas para estas escolhas foram as reuniões com clientes (referidas por 40% dos inquiridos), depois o treino e desenvolvimento (37%). Foram ainda referidos outros motivos como a realização de conferências (36%), reuniões com colegas de diferentes escritórios (33%) e ainda feira ou exposições (26%).

Inquiridos sobre qual a principal frustração ocorrida em reuniões ou conferências naquelas cidades, 26% dos entrevistados disseram que o programa ou a agenda era desinteressante, enquanto 21% afirmou que o planeamento era mau.  13% dos viajantes de negócios também se queixaram da má seleção de alimentos e bebidas.

Com o Brexit no horizonte e muitas empresas focadas no crescimento internacional, 34% dos líderes empresariais preveem aumentar o número de viagens para os funcionários nos próximos 12 meses, enquanto 54% equacionam manter o mesmo número de viagens do ano anterior.

Já no ano passado, a capital inglesa fora eleita um mais populares destinos mundiais para viagens de negócios pelos participantes do relatório inaugural do Heathrow Express Business Travel Insights. Um total de 85% dos viajantes de negócios do Reino Unido, da Alemanha e dos EUA fizeram uma viagem a Londres, com o setor financeiro no topo da lista.

Além disso, 47% dos entrevistados visitaram a cidade para uma conferência. A pesquisa de 2017 revelou, ainda, que os que os viajantes de negócios britânicos fazem mais viagens do que os seus homólogos alemães e americanos, com uma média de mais de duas viagens domésticas e mais de três internacionais no último ano. As conferências são a principal razão para viagens (39%).

Comentários