O Wajanga ganhou o programa internacional de aceleração Discoveries, promovido pela Fábrica de Startups. É um agregador para tours e atividades turísticas.

O Discoveries, um programa internacional de aceleração organizado pela Fábrica de Startups, em parceria com o Turismo de Portugal e a NOS, premiou, no conjunto de 15 finalistas, um projeto inovador na área de tours e atividades turísticas. Intitula-se Wajanga e propõe-se resolver o problema com muitos turistas se deparam quando querem programar férias: perder tempo a encontrar o melhor preço para o que querem fazer. O Wajanga pesquisa e compara inúmeras ofertas numa só plataforma, permitindo o agendamento das atividades e tours ao melhor preço.

O Discoveries tem como objetivo potenciar a inovação e o empreendedorismo, promovendo Portugal como hub para start-ups de todo o mundo. Esta foi a 3.ª edição deste programa internacional de aceleração que terminou na segunda-feira, 11 de dezembro, com a realização do Pitch Day, na Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa, onde assistiram às apresentações jurados, investidores e convidados.

Anteriormente, de 13 de novembro até 11 de dezembro, a Fábrica de Startups recebeu nas suas instalações 15 equipas provenientes da Europa, América do Norte e América do Sul. Os empreendedores validaram modelos de negócio, com acesso à metodologia FastStart e suas ferramentas. As soluções apresentadas no Pitch Day tiraram partido da tecnologia para melhorar a experiência dos turistas, recorrendo, por exemplo, à realidade aumentada, à inteligência artificial, passando por agregadores e aplicações móveis.

Comentários