Conheça cinco desportistas que depois de terminarem a carreira profissional enquanto atletas decidiram virar-se para o empreendedorismo.

Os desportistas mais mediáticos costumam arrecadar uma quantia de dinheiro considerável durante as suas carreiras, mas chega uma altura em que o corpo já não lhes permite continuar a ter a mesma performance desportiva de sempre.

Se no passado as grandes celebridades desportistas não sabiam o que fazer depois de se “reformarem” do mundo do desporto, hoje os atletas viram-se para o empreendedorismo à procura da mesma adrenalina que tinham em campo.

A lista seguinte engloba cinco desportistas internacionais que são hoje empreendedores.

Kobe Bryant:
Se conhece minimamente o universo da NBA, o nome Kobe Bryant não lhe é estranho. Depois de uma longa carreira de duas décadas no Los Angeles Lakers e de ter conseguido ganhar cinco vezes o campeonato, este super atleta criou, em 2013, a Kobe, Inc. A empresa foca-se em ajudar jovens atletas a chegarem ao seu máximo potencial.

Além da Kobe, Inc, o antigo jogador da NBA criou um fundo de capital de risco, Bryant Stibel, com um orçamento de perto de 85 milhões de euros.

Magic Johnson:
Considerado um dos melhores jogadores de basquetebol de todos os tempos, jogando lado a lado com Michael Jordan na conhecida Dream Team norte-americana, Magic Johnson é possivelmente o empreendedor mais bem-sucedido desta lista. Com ações na equipa da NBA, Los Angeles Lakers, e na equipa de baseball, Los Angeles Dodgers, a Magic Johnson Enterprises tem ainda vários franchisings espalhados pelos Estados Unidos, como os conhecidos Starbucks e Burger King.

Grande parte dos franchisings abertos pelo antigo atleta, e que já são mais de 160 em 19 estados diferentes, são localizados em zonas pouco favorecidas, de forma a criarem oportunidades de trabalho e a melhorarem a economia local.

Shaquille O’Neal:
Outra lenda da NBA é Shaquille O’Neal. Distinguindo-se por ser um empreendedor desde muito novo e por ter uma paixão por tecnologia, um dos grandes feitos do gigante da NBA foi ter sido investidor na Google antes da empresa se tornar pública, o que prova o seu espírito para o negócio. Para além deste tipo de investimentos O’Neal conta também com vários franchising de ginásios e restaurantes.

Tony Hawk:
Sendo o único empreendedor/atleta desta lista fora do mundo da NBA, Hawk mostrou que até modalidades como o skateboarding podem ser uma carreira duradoura se transformar a paixão em ideias de negócio com sucesso.

O empreendedorismo de um dos melhores skaters de todos os tempos levou-o a criar várias linhas de roupa e videojogos, sendo estes alguns dos jogos de consola mais vendidos de sempre.

LeBron James:
James é o único desta lista que ainda é atleta de alta competição. Continuamente a dominar os campos de basquetebol da NBA, LeBron é considerado um dos melhores jogadores de sempre.

Além das grandes receitas enquanto atleta, o jogador dos Cleveland Cavaliers tem uma empresa de media, chamada SpringHill Entertainment, que já lançou várias séries e filmes. Mais, James tem também uma organização de marketing aplicada ao desporto chamada LRMR

Comentários