Um plano de negócios claro e convincente constitui um guia para construir uma empresa de sucesso focada em conseguir as suas metas pessoais e financeiras.

O plano de negócios é fundamental para criar uma empresa e atrair investidores nos Estados Unidos, além de ser um requisito de imigração para as pessoas que estejam interessadas em adquirir um visto de investidor E-2 ou visto para transferir executivos L-1. Portanto, é importante saber preparar este documento para garantir a sua permanência no país, independentemente da operação e do sucesso do seu negócio.

Um plano de negócios, nas palavras de Tim Berry, business angel e autor de The Plan-As-You-Go Business Plan (o plano para fazer um plano de negócios), “é uma coleção organizada de peças importantes, tarefas, informação e finanças básicas da empresa”. De acordo com Berry, neste documento devem estar referenciadas as estratégias e os detalhes do que deve ocorrer no negócio: “quando e quem está a cargo de quê, como se medirá o progresso, como gastar o dinheiro e de onde virá, e quantas receitas se espera obter”.

Trata-se de um documento de umas 30 folhas que inclui os objetivos da empresa, as estratégias para os conseguir, a estrutura organizacional, o montante de investimento requerido para financiar o projeto e as soluções para resolver problemas futuros. A maioria dos planos de negócio cobre os primeiros três ou cinco anos da empresa.

De acordo com o Entrepreneur, estes são alguns dos aspetos-chave que se devem ter em conta no momento de redigir um plano de negócios.

  1. Resumo executivo. É um resumo de uma ou duas páginas do seu plano de negócios. É melhor fazê-lo quando tiver finalizado todos os detalhes do plano.
  2. Descrição do negócio. Deve incluir e definir os vários aspetos das ofertas do serviço, a história do seu negócio ou qualquer evento atual, as suas metas pessoais e objetivos. Esta secção é a coluna vertebral do seu plano de negócios e preparará o cenário para o resto da informação.
  3. Produtos e serviços. Todos têm um produto ou serviço para oferecerem a um possível cliente. Deve ser capaz de descrever o que é que vende e identificar o que faz com que o seu produto seja único.
  4. Vendas e marketing. Esta secção é muito importante. Abre-lhe a janela para a indústria, o estado do mercado, custos gerais e dá-lhe a oportunidade de se distinguir da concorrência. Enquanto trabalha nesta secção, entende que, assim como as pessoas passam pela loja física e veem o que se passa dentro do negócio, os visitantes do seu website podem também ver a sua mercadoria e reconhecer o seu branding pessoal.

Faça com que o seu website seja a sua loja online em pensamento e ação.

– Pode dar mostras ou demonstrações do seu produto.

– Gráficos e/ou fotografias do material visual de marketing.

– A URL (endereço web) é a sua “localização”.

– O equipamento que usar e os métodos de entrega dos produtos são as ferramentas de fabricação e envio.

– A navegação pelo site é como o mostruário da loja física.

– Se tiver um mapa do site, pode ajudar as pessoas para que encontrem o que procuram.

– Se mostrar testemunhos, afiliações e a experiência em áreas acessíveis do eu website, o cliente terá mais confiança em si.

Apresentar a sua informação de contacto permite que as pessoas façam negócios consigo. Dar informação detalhada sobre si, apesar de não estar na presença de um possível cliente, dá a primeira impressão da sua personalidade.

  1. Operações. O propósito desta secção é ajudá-lo a realçar o lado mais administrativo do seu negócio, incluindo como oper, onde está o tesu escritório, equipa, relações legais, rede de fornecedores, etc.
  2. Equipa administrativa. Se tem alguns conselheiros ou pessoas que o ajudem a gerir o seu negócio, aqui é onde deve mostrar o seu envolvimento e a capacidade com que contribuem para o seu sucesso. Se há uma hierarquia de posições dentro da sua empresa, deve detalhá-la e a relevância de cada relação.
  3. Desenvolvimento. Aqui é onde pode sonhar um pouco. Nem tudo nesta secção está baseado em factos, como a informação que tiver dado nas outras secções. Projete o futuro e pensa em grande. O desenvolvimento é uma parte importante do negócio para continuar a ser competitivo, assim assegura-se de gastar algum tempo a escrever isto.
  4. Resumo financeiro. Necessita de apresentar um historial dos seus contratos financeiros, investimentos e como conseguiu ter a posição que tem agora. Com alguma flexibilidade, deverá mostrar como vai operar a sua empresa e apresentar o seu estado financeiro, incluindo balanços previsionais no final de cada mês, a saúde o tesu negócio e o fluxo de numerário.

Comentários