Conheça cinco maneiras de melhorar um dos aspetos mais importantes no local de trabalho: a inteligência emocional.

A inteligência emocional é um dos indicadores mais fortes do sucesso num negócio ou no local de trabalho. A razão para tal é o facto desta característica não só nos ajudar a gerir as emoções, como também a identificar as emoções dos outros.

Um estudo da Johnson & Johnson mostrou que os melhores trabalhadores são também aqueles que mostram uma inteligência emocional mais apurada. Outro estudo com mais de 500 executivos – e que já abordámos neste artigo – também chegou à conclusão que a inteligência emocional é mais útil na performance de um trabalhador do que os anos experiência.

Sendo esta característica tão importante, a pergunta a colocar é: “como podemos desenvolver a nossa inteligência emocional?”. Ashley Stahl, uma coach de millennials que estão à procura de emprego, partilhou com a Forbes algumas formas para melhorar esta vertente.

Saber gerir as emoções negativas. Quando começamos a ser capazes de gerir e diminuir as nossas emoções negativas, temos menos probabilidades de nos sentirmos frustrados. O conselho desta coach passa por não tirar conclusões precipitadas, tentar ver tudo de uma forma mais objetiva e olhar para a situação de perspetivas diferentes.

Ter consciência do vocabulário. Tente tornar-se num forte comunicador no local de trabalho. As pessoas com inteligência emocional apurada tendem a ser mais específicos com as palavras de forma a diminuirem as probabilidades de um possível desentendimento.

Praticar a empatia. Tente colocar-se mais vezes no papel de outra pessoa, como um colega ou um cliente. Este tipo de exercício pode dar-lhe um insight profundo sobre como as pessoas se sentem e ajudá-lo a compreender melhor as individualidades que o rodeiam.

Identificar o que o faz entrar em stress. Faça uma lista das coisas que o deixam stressado para que as possa eliminar do seu dia a dia-a-dia. Por exemplo, se sabe à partida que ver o email antes de dormir o vai deixar nervoso, deixe essa tarefa para a manhã seguinte ou para quando chegar ao escritório.

Superar as adversidades. A forma como lidamos com os problemas que nos colocam fora da nossa zona de conforto definem-nos como pessoas. Para superar mais facilmente as adversidades, Stahl aconselha todos a pensarem positivo e a praticarem o otimismo em vez de se queixarem. Tente perceber o que pode aprender quando está fora da sua zona de conforto.

Leia ainda: “10 livros para aumentar a inteligência emocional“.

Comentários