A GoParity e a Raize estão entre os finalistas da iniciativa Inclusion Plus da MetLife Foundation.

Com o objetivo de potenciar a inclusão financeira junto de cerca de dois mil milhões de pessoas por todo o mundo, a MetLife Foundation criou a Inclusion Plus, uma iniciativa que premeia projetos que tenham desenvolvido ideias potencialmente interessantes neste âmbito.

Cerca de 40 empresas e start-ups oriundas de Portugal e Espanha apresentaram produtos, programas e serviços que visam aumentar o bem-estar financeiro de pessoas e famílias com rendimentos mais baixos.

Depois de uma avaliação aos potenciais candidatos, o júri escolheu seis projetos para avançarem para a fase final da iniciativa. A competir por um prémio total de 90 mil euros em incentivos financeiros estão duas start-ups portuguesas: a GoParity e a Raize.

A GoParity é uma plataforma de crowdlending que liga pequenas empresas à procura de financiamento a investidores que procuram possibilidades de investimento mais vantajosas.

Por outro lado, a Raize também trabalha com pequenos investidores e pequenas empresas, mas tem o objetivo de promover uma plataforma de investimento sustentável e ágil para a economia, incentivando os seus utilizadores a fazer poupanças domésticas e a promover a educação financeira.

A jogar na equipa espanhola, temos:

A Aldan, que oferece assessoria financeira profissional e personalizada para equilibrar rendimentos individuais, melhorando o acesso dos clientes a produtos e serviços;

A Goin, que apresenta uma solução tecnológica que automatiza as poupanças através do arredondamento do valor das compras efetuadas e que, desta forma, permite aos utilizadores poupar diariamente;

A OpSeeker, que criou um coach financeiro baseado em tecnologia de inteligência artificial e que ajuda a educar os jovens sobre como gerir melhor o seu dinheiro;

Estas equipas vão apresentar os seus projetos e ideias em Madrid, no próximo dia cinco de julho.

Em comunicado, o diretor geral da MetLife na Península Ibérica referiu que a empresa de serviços financeiros “tem um compromisso constante com a inovação, mas também com o cuidado sobre as sociedades nas quais opera. Para nós é muito importante apoiar iniciativas como esta, em que soluções e ideias inovadoras sejam valorizadas, necessárias para evoluir, melhorar o bem-estar e a capacidade financeira da sociedade, ajudando as pessoas a tomar melhores decisões, de forma mais fácil”.

Comentários