Fazer uma viagem de cruzeiro é o sonho de muitos viajantes que gostariam de experimentar a sensação de conhecer novos locais a navegar.  Se ainda não teve esta experiência, poderá agora pensar em conhecer os navios da Star Clippers e esquecer durante alguns dias o trabalho.

Vestir a pele de marinheiro por uns dias. Aprender as mil e uma manobras da arte de velejar. Saborear cocktails de frutas e culturas exóticas. Abraçar a onda dos desportos radicais. Conhecer gente dos quatro cantos do mundo. Partilhar vivências. Experiências. Trocar saberes.

Em última análise, entrar pelo mar adentro sabendo que a costa está longe, muito longe, e que tudo no passeio não passa de um pretexto para irmos rumando ao encontro de nós mesmos. A bordo do Star Clipper tudo está pensado para servir um novo conceito de cruzeiro que conquista cada vez mais adeptos no mundo inteiro

Impulsionadas pelo magnífico casamento de ventos e velas, as embarcações desta companhia de cruzeiros – fundada pelo visionário sueco e empresário Mikael Krafft – navegam pelo mundo. A Star Clippers é detentora dos maiores e mais altos navios da atualidade: capacidade para 227 passageiros no caso do Royal Clipper, 170 no Star Clipper e no Star Flyer e 300 no Flying Clipper, que será inaugurado em dezembro deste ano.

Alimentado pelo seu sonho de infância de recriar embarcações antigas, Krafft tem movido apaixonadamente e com sucesso os seus navios por quase três décadas.

Para quem ainda tem dúvidas e precisa de mais motivos para partir à aventura no mar, a Forbes listou fatos divertidos que podem servir de inspiração para a sua próxima viagem a bordo de um navio. Ora veja.

  1. Seja contemplado por navios únicos

O navio mais emblemático da linha – o Royal Clipper, com 133 metros de altura e casco de aço – detém o recorde Guinness de único veleiro de cinco mastros atualmente em atividade. Este navio é capaz de erguer 42 velas que se desdobram em 5.202 metros quadrados e ostenta um mastro de 57 metros. Já os veleiros de quatro mastros Star Clipper e Star Flyer contam área vélica de 3.344 metros quadrados e mantêm o recorde partilhado de mastro mais alto do mundo, com 68 metros de altura acima da linha de água.

  1. Sinta o poder da natureza

A Star Clipper não usa computadores para elevar, abaixar ou posicionar as velas dos seus navios – uma prática comum nos dias de hoje. Em vez disso, no convés superior, marinheiros  implementam manivelas horizontais e verticais controladas manualmente.

Os itinerários da Star Clippers são desenvolvidos com base em cartas de vento, que orientam cada navio a prosseguir, sempre que possível, aproveitando o fluxo de ar. Nas Caraíbas, por exemplo, as embarcações são movidas pelo vento em, aproximadamente, 70% dos trajetos, caso contrário, utilizam motores auxiliares. A ajuda da mãe natureza reduz acentuadamente o consumo de combustível e as emissões.

  1. Experimente ser um marinheiro

Os turistas do Star Clippers podem, pelo menos uma vez durante o itinerário, participar na tarefa de puxar a corda para ajudar a elevar as velas.

  1. Aprenda lições a bordo

Todas as tripulações dos navios incluem um especialista no fabrico de velas, que usa uma máquina de costura para fazer reparos com Dacron (fibra de poliéster). Os visitantes podem sempre assistir ao seu trabalho. Quer visitar o capitão no seu centro de controlo? Também é possível. Aproveite e faça perguntas sobre cartas náuticas, botões, fases da lua, observação de estrelas e marés.

Esta política de porta aberta permite que os passageiros conheçam o capitão e os oficiais de plantão 24 horas por dia, sete dias por semana. Durante quase todos os itinerários, quando o tempo e a localização permitem, um convidado poderá tomar momentaneamente a direção. Um diretor de cruzeiro ou comissário de bordo ministra palestras diárias sobre portos de escalas e conta fascinantes histórias sobre o mar

  1. Explore em abundância

A Star Clippers faz itinerários a destinos bem conhecidos, mas também é capaz de colocar os seus navios em refúgios remotos que grandes navios de cruzeiros não conseguem aceder. Entre os exemplos estão viagens à Indonésia com passeios às montanhas vulcânicas, praias de areia negra e águas cristalinas que brilham com recifes de coral de muitos tons.

Há também pacotes com excursões guiadas que vão desde portos ricos em cultura e gastronomia, como Jacarta, até locais de sublime quietude como a Ilha de Komodo, onde os dragões – os maiores lagartos do mundo, que podem chegar a três metros de comprimento – ainda vivem. Outros caminhos maravilhosos fora do comum a serem considerados: Cres (Croácia), Dalyan River (na Turquia), Kota Kinabalu (Malásia), Plage D’Arone (Córsega) e Porto Cervo (Sardenha).

  1. Divirta-se

O Royal Clipper possui 1.767 metros quadrados de deck aberto – cuja madeira polida consome três toneladas de verniz todos os anos -, três piscinas, spa, lounge subaquático, ginásio, salão de cabeleireiro, sala de massagem, um átrio de três andares iluminado pelo sol e uma escada espiral, além de uma plataforma que possibilita acesso a desportos aquáticos como mergulho, caiaque e windsurf.

Há um amplo espaço para os passageiros passearem, mas o Royal Clipper, assim como o Star Clipper e o Star Flyer, parecem iates particulares. O Tropical Bar, com espaços cobertos e ao ar livre, tem ligação a uma sala de estar com piano de cauda. Este local é o centro das atenções dos hóspedes. Neste espaço, são realizados churrascos, concursos e gincanas. Para o entretenimento noturno, o Star Clippers contrata músicos, dançarinos e cantores locais.

  1. Relaxe

Na parte da frente de todos os navios da Star Clippers há mastros com redes suspensas sobre o mar, onde é possível descansar, tendo como cenário o horizonte.

  1. Conviva com a magia da vida marinha

A tripulação monitoriza o mar e alerta os hóspedes sobre o paradeiro de baleias, golfinhos, peixes voadores e muito mais.

  1. Fique por dentro das tendências

Os itinerários temáticos da Star Clippers recebem especialistas a bordo para ministrar workshops: são mestres da yoga, personal trainers, especialistas em meditação, coaches, jornalistas e autores de livros, sommeliers e chefs. Caso  seja fã da comédia romântica “Mama Mia”, reserve um lugar no novo Mamma Mia Highlights, do Star Flyer, que navega pelas Ilhas Gregas com destino a Atenas – um itinerário de sete noites que passa pelos cenários onde os filmes foram filmados.

  1. Sinta-se no céu

Uma das experiências mais emocionantes da Star Clippers é subir uma escada de corda – com um colete de segurança – em direção ao chamado ninho do corvo, confortavelmente mobiliado com poltronas. Cerca de 18 metros acima do nível da água.

  1. Aprecie a linda decoração

Os interiores dos navios foram decorados pelo notável designer londrino de iates Donald Starkey, com temas náuticos, pisos de madeira, acessórios em lata – tudo em azul royal e vermelhos profundos. As bibliotecas dos navios estão repletas de gravuras antigas, guias e fotografias. É por lá que os hóspedes se reúnem para jogar xadrez, damas e cartas.

  1. Desfrute dos melhores sabores

As salas de jantar não têm lugares marcados – cada um pode-se sentar onde e com quem quiser. As refeições incluem vários pratos servidos com bons vinhos e cerveja.

  1. Aproveite a boa música

Os pianistas animam os convidados com músicas populares e medleys de clássicos do jazz

  1. Durma num local confortável

Os quartos aconchegantes são dotados de sutilezas – produtos de higiene, banheiro privativo, TV, DVD player, telefone, serviço de arrumação da cama com direito a chocolate – tudo o que se espera em navios de luxo.

  1. Espere por muito mais

A comunidade de veleiros está entusiasmada com o majestoso Flying Clipper, que se tornará o maior navio de cinco mastros do mundo, com 35 velas, 150 cabines, um restaurante principal de dois decks, plataforma de desportos aquáticos e uma impressionante piscina de mergulho.

 

Comentários