A maioria das pessoas foge dos seus medos, mas quem é mentalmente forte sabe como enfrentá-los. Saiba também como pôr em prática a estratégia dos “fortes”.

Provavelmente já pensou em praticar mais exercício físico, em fazer dieta, em ler mais livros…. um sem número de intenções que, muitas vezes, não passam disso mesmo. Mas quantas vezes já considerou a hipótese de se tornar mentalmente mais apto?  E não se trata apenas de fazer enigmas de palavras cruzadas para combater a demência. Trata-se de se tornar mentalmente mais “forte” e melhor preparado para enfrentar os revezes do dia a dia. Quando o fizer, provavelmente estará melhor preparado para regular os seus pensamentos, gerir as suas emoções e aumentar a sua produtividade.

Aqui ficam algumas coisas que as pessoas mentalmente fortes fazem e que, se for o caso, pode tentar aplicar à sua realidade.

Praticam a gratidão
Em vez de se concentrar nos seus fardos ou naquilo que não têm e gostariam de ter, as pessoas mentalmente fortes agradecem o que têm. Há toda uma série de maneiras de praticar a gratidão, mas uma simples é começar a pensar em três coisas porque está grato em cada dia. Também pode começar um diário de gratidão para anotar todas as coisas boas que experimentou durante todo o dia.

Não têm medo de dizer “não”
A dificuldade em dizer não pode levar ao stress e ao burnout. Muitas pessoas mentalmente fortes sabem isso razão pela qual pensam criticamente antes de aceitar todos os convites sociais que aparecem ou antes de ajudar os colegas em projetos. Desta forma, têm a certeza de que, em primeiro lugar, completam o seu próprio trabalho e depois que não são sobrecarregados com pedidos exteriores.

Superam as críticas interiores
Se acha que é um fracasso, pode ser ainda mais propenso a falhar. Pode ser uma profecia. Por isso, use essa ideia a seu favor e acredite que vai ter sucesso. Pode ser um desafio, mas é possível se prestar atenção aos seus pensamentos. Não ignore os pensamentos negativos, reconheça-os e, de seguida, faça algo positivo para se distrair.
Ao anotar o bom e o mau, constatará que alguns daqueles pensamentos negativos são irracionais. Encontre o equilíbrio em vez de bater-se, e olhe para as suas falhas como maneiras de melhorar.

Expõem-se à dor
Supostamente, Muhammad Ali disse uma vez que não contava todos os abdominais que fazia. Só começava a contá-los quando doíam, porque esses eram os que verdadeiramente contavam. Esta ideia serve para exemplificar que as pessoas mentalmente fortes muitas vezes estão dispostas a suportar a dor, desde que haja um propósito para tal. Não passam por um treino desafiador apenas para provar o quão resistentes são. Fazem isso para construir força.

Criam a sua própria definição de sucesso
Quando se começa um negócio, e as dificuldades se atravessam no caminho, provavelmente é difícil ver os vizinhos e amigos a comprarem carros novos e a publicarem fotografias das viagens. Para eles talvez essa seja a medida do sucesso, mas não tem de ser para si.
Crie a sua própria definição de sucesso e mesmo que não ganhe tanto dinheiro como os seus pares, se estiver a fazer aquilo de que verdadeiramente gosta, provavelmente tem motivos para se considerar bem-sucedido.

Atrasam a gratificação
Adiar a gratificação pode ser primordial para o sucesso. É por isso que as pessoas com força mental têm a força para pensar a longo prazo. Sabem que os resultados só acontecem depois de colocar todo o seu tempo e esforço no projeto.

Não culpam os outros
Pessoas mentalmente fortes evitam culpar os outros pelos erros ou falhas. Assumem a plena responsabilidade pelas ações.

Praticam otimismo realista
Tendem a ser otimistas, mas também entendem que não podem ser excessivamente otimistas. Ou seja, não é produtivo acreditar que os desafios vão desaparecer magicamente ou que as metas serão alcançadas sem fazer qualquer ação. Em vez disso, as pessoas mentalmente fortes praticam um otimismo realista. Isto é, têm em conta os desafios que enfrentam e concentram-se no que podem fazer para aceitar ou superar essa realidade.

Reconhecem as suas limitações
Embora o impulso forte os motive, também sabem quando é tempo de parar. Têm consciência das suas fraquezas e não hesitam em pedir ajuda se necessário. Embora alguns líderes hesitem em mostrar vulnerabilidade, isso permite que aprendam mais e se tornem melhores. Melhorar as suas capacidades é mais importante do que proteger o ego.

Não se comparam com os outros
Pessoas mentalmente fortes sabem bem como gastar o seu tempo e energia e sabem que é fútil preocuparem-se com o que os outros fazem do seu tempo. Sentimentos como ciúme e ressentimento não causam apenas exaustão. Basicamente são inúteis. O mentalmente forte aprecia os outros e comemora suas realizações. O otimismo é muitas vezes uma situação win/win para todos.

Não fogem do medo
A maioria das pessoas foge de seus medos, mas não os mentalmente fortes. Eles não só os procuram, como veem o medo como um método para sair da sua zona de conforto. Resultado disso, experimentam muitas vezes coisas novas, conhecem novas pessoas e aprendem mais sobre si mesmos.
Também há benefícios de saúde associados a certos níveis de medo, incluindo o facto de manter o cérebro vigilante e alerta, equilibrando funções corporais como o sistema imunitário e motivando-o a atingir metas.

Respeitam, e até gostam, dos seus concorrentes.
Pessoas mentalmente fortes não têm medo, não se intimidam nem têm ciúmes dos seus concorrentes. Na verdade, muitos respeitam-nos e até gostam deles, percebendo que os concorrentes podem ser os seus maiores professores. As pessoas mentalmente fortes sabem prestar atenção ao que a competição fez de certo ou de errado e usam isso para ver o que os diferencia. Além de usarem essa informação como inspiração para o seu próprio próximo movimento.

Comenta-se que Steve Jobs e Bill Gates teriam tido uma relação tensa. No entanto apoiavam-se e respeitavam um ao outro. Gates disse uma vez: “Eu daria muito para ter o gosto de Steve.” Por sua vez, Steve Jobs admitiu: “admiro-o pela empresa que construiu – é impressionante – e eu gostei de trabalhar com ele. É brilhante e realmente tem um bom sentido de humor”.

Tornar-se mentalmente forte não acontece do dia para a noite, mas pode valer a pena, ao fazer de si, e o seu negócio, suficientemente resiliente para resistir a qualquer desafio que a vida coloque no seu caminho.

Comentários